Bia Maia confirma favoritismo e Laura Pigossi sofre, mas vence na Argentina

·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Pouco depois de Carol Meligeni atropelar na estreia do WTA 125 de Buenos Aires, na Argentina, as paulistanas número 1 e 2 do Brasil, respectivamente Beatriz Haddad Maia e Laura Pigossi, estrearam com vitórias. Bia perdeu apenas 3 games. Pigossi viveu um drama.

Cabeça de chave dois, Bia Maia, 85ª da WTA, precisou de 1h12 para superar a colombiana Emiliana Arango, 260ª, em 6/1 6/2 e encara a chilena Daniela Seguel, 211ª, que venceu a convidada da organização, a local, Jasmin Ortenzi, 629ª, em 7/5 6/1.

Bia Maia e Seguel se enfrentaram três vezes no circuito profissional e a brasileira venceu os três duelos.

Laura Pigossi sofre, mas vence

A paulistana Laura Pigossi, 271ª, precisou de 2h21 para superar a paraguaia Veronica Cepede Roig, 251ª, para fechar o placar em 6/4 2/6 6/4 tendo convertido o único ace da partida e cometeu duas duplas-faltas como a paraguaia, que venceu 65% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 63% de aproveitamento da brasileira.

Pigossi encara na segunda rodada a húngara Panna Udvardy, 128ª, que venceu a convidada da organização a argentina Lara Estable, 904ª, pelo placar de 6/3 6/2.

Udvardy e Pigossi nunca se enfrentaram no circuito profissional.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos