The Best: Lucy Bronze, do Manchester City, é eleita a melhor jogadora do mundo

LANCE!
·1 minuto de leitura


A lateral-direita inglesa Lucy Bronze, do Manchester City, foi eleita a melhor jogadora do mundo nesta quinta-feira, na cerimônia do Fifa The Best. Ela superou na eleição a zagueira francesa Wendie Renard, do Lyon, e a atacante dinamarquesa Pernille Harder, do Chelsea.

+ Inter se aproxima de Ramírez, Navas na mira de clube da MLS, atacante do Fla com sondagens… Veja o Dia do Mercado!

Apesar de defender as cores do City atualmente, a atleta de 29 anos conquistou o prêmio pela temporada de destaque com o Lyon, onde conquistou o título da Liga dos Campeões. Em 2018/19, Bronze já havia sido eleita a melhor jogadora da temporada pela Uefa.

Antes, a francesa Sarah Bouhaddi, do Lyon, já havia sido eleita a melhor goleira do mundo, enquanto a holandesa Sarina Wiegman, técnica da seleção da Holanda, ficou com o prêmio de melhor treinadora.

A cerimônia na sede da Fifa, na Suíça, está sendo realizada de forma virtual, sem plateia, devido às restrições sanitárias impostas pela pandemia de Covid-19. Além dos prêmios individuais, a Fifa também anunciou a seleção da temporada no feminino, eleita pelo sindicato mundial de jogadores profissionais (FIFPro). Confira abaixo:

Christiane Endler (PSG); Lucy Bronze (Manchester City), Wendie Renard (Lyon), Millie Bright (Chelsea) e Tobin Heath (Manchester United); Veronica Boquete (Milan), Barbara Bonansea (Juventus) e Megan Rapinoe (OL Reign); Delphine Cascarino (Lyon), Vivianne Miedema (Arsenal) e Pernille Harder (Chelsea).