Benfica visita o Dortmund em duelo decisivo das oitavas da Liga dos Campeões

Equipes se enfrentam na Alemanha após vitória de 1 a 0 do time português no primeiro jogo

Com uma das menores vantagens dessas oitavas de final da Liga dos Campeões, o Benfica vai até a Alemanha enfrentar o Borussia Dortmund, às 16h45, para definir quem se classifica às quartas de final da competição europeia.

No primeiro duelo entre as equipes, vencido por 1 a 0 pelos portugueses, Mitroglou marcou o único gol e Ederson defendeu um pênalti do artilheiro Aubameyang.

O Dortmund quer atingir às quartas de final pela terceira vez nesta década. Uma estatística a favor do clube é que os alemães seguiram em frente em 75% das eliminatórias em que perdeu por 1 a 0 no primeiro jogo. No entanto, o técnico Thomas Tuchel terá alguns problemas.

Raphaël Guerreiro vai fazer um teste nesta quarta-feira para ver se está recuperado da lesão numa coxa sofrida frente ao Bayer Leverkusen e é dúvida para o duelo decisivo. Sven Bender, Mario Götze, Marco Reus e Sebastian Rode estão fora.

- Sentimos que estamos em condições de seguir em frente. Temos a sensação que somos capazes e este é o momento certo para o conseguir. Avaliamos o espírito na equipe e somos capazes de marcar muitos gols - explicou Tuchel.

Do lado do Benfica, a equipe pode chegar a próxima fase pela terceira vez em seis temporadas. O técnico Rui Vitória não terá muitos problemas na escalação, já que apenas Ljubomir Fejsa está fora e Filipe Augusto é dúvida.

- Já se passou um jogo entre as duas equipes e há um conhecimento mais aprofundado e preciso entre elas. Calculo que haja algumas diferenças nas abordagens deste jogo. Estamos preparados para as diferentes fases e mudanças nos 90 minutos, sabemos que vamos enfrentar um time difícil, mas estamos prontos para vencer - analisou Rui Vitória.

FICHA TÉCNICA:

Data/Hora:

08/03/2017, às 16h45 (de Brasília)
Local: Signal Iduna Park, Dortmund (ALE)
Árbitro: Martin Atkinson (ING)

BORUSSIA DORTMUND: Bürki; Piszczek, Sokratis, Bartra; Durm, Dembélé, Weigl, Guerreiro, Schmelzer; Aubameyang, Schürrle. Técnico: Thomas Tuchel.

BENFICA: Ederson; Nélson Semedo, Luisão, Lindelof, Eliseu; Samaris, Pizzi, Salvio, ZivkoviC; Jonas, Mitroglou. Técnico: Rui Vitória.



















E MAIS: