Benfica nega estar em negociações com a Superliga Europeia

·1 minuto de leitura
Jogadores do Benfica comemoram gol

LISBOA (Reuters) - O Benfica, principal time português de futebol, negou categoricamente que está conversando sobre uma filiação à nova Superliga.

Segundo reportagens publicadas nesta terça-feira pelo diário esportivo português Record, o clube está negociando sua participação na nova competição em planejamento, liderada por 12 times fundadores que incluem seis da Inglaterra e foi anunciada no domingo.

Mas o Benfica reiterou em um comunicado seu comprometimento com o sistema atual na condição de membro da Associação de Clubes Europeus (ECA).

"O Benfica deseja esclarecer que as informações publicadas pelo jornal Record sobre negociações hipotéticas sugeridas para participar da Superliga Europeia são completamente falsas e volta a afirmar sua oposição completa ao projeto", disse o time em um comunicado.

"O Benfica foi o primeiro clube português a expressar sua oposição a uma Superliga publicamente em novembro passado, quando nosso CEO, Domingos Soares de Oliveira, o disse em uma entrevista".

"O Benfica, por meio de sua presença na ECA, sempre foi contra qualquer competição que aconteça fora do âmbito da Uefa, tendo até contribuído ativamente para reformas da Liga dos Campeões que devem entrar em vigor depois de 2024".

"O Benfica sempre foi e sempre será solidário à Uefa e aos valores do futebol europeu: meritocracia, solidariedade e inclusão."

(Por Joseph Walker)