Benfica de Jorge Jesus perde para o Braga e é vice da Taça de Portugal

·1 minuto de leitura


No encerramento da temporada 2020/2021 em Portugal, o Benfica de Jorge Jesus desperdiçou mais uma chance de conquistar um título. No Estádio da Cidade de Coimbra, o Braga derrotou os Encarnados por 2 a 0, gols de Lucas Piazón e Ricardo Horta, e conquistou a Taça de Portugal pela terceira vez em sua história.

PRIMEIRO TEMPO DIFÍCIL
Em busca de seu primeiro título desde que voltou ao Benfica, Jorge Jesus viu seu plano ir por água abaixo logo aos 17 minutos de jogo, quando o goleiro Helton Leite foi expulso. Para piorar, o Braga saiu em vantagem na decisão no fim da etapa inicial. Nos acréscimos, o brasileiro aproveitou falha da zaga do Benfica e, por cobertura, marcou um golaço para abrir o placar.

PRESSÃO DO BRAGA
Já no segundo tempo de jogo, o Braga não deu chances para o Benfica sonhar com uma reação. Logo aos três minutos, Ricardo Horta quase ampliou, mas parou na defesa de Odisseas. Abel Ruiz, pivô da expulsão de Helton Leite no primeiro tempo, também teve a chance de marcar, mas jogou para fora aos 9 minutos.

É CAMPEÃO
Nos minutos finais de partida, quando o Benfica se lançou ao ataque para buscar um empate heroico o Braga não perdoou. Na marca dos 40, Ricardo Horta recebeu dentro da área e tocou na saída do goleiro para marcar o segundo e garantir o título para o Braga.

CONFUSÃO NO FIM
Já com o título garantido, o Braga ainda viu Lucas Piazón, um dos melhores jogadores em campo, se envolver em confusão com Taraabt e ser expulso nos acréscimos. No entanto, nada que tirasse a alegria e a empolgação da equipe ao conquistar teu terceiro título da competição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos