Bem contra o Fla, 'Flu reserva' pode ganhar nova chance no Clássico Vovô

Matheus Dantas

A apresentação do Fluminense contra o Flamengo, em 2 de abril, credenciam os reservas do Tricolor, que atuaram em Cariacica, no Espírito Santo, a ter uma nova oportunidade na semifinal contra o Botafogo, no Nilton Santos, domingo. O técnico Abel Braga ainda não definiu a equipe, mas admitiu, após a vitória sobre o Liverpool, que fará mudanças e tem a permissão do presidente.

- Vamos jogar uma semifinal que não define nada. O resto (do Campeonato Carioca) já está definido, que é o que vale. Vou pensar sobre o time, ouvir a fisiologia... Até o presidente (Pedro Abad) já me falou sobre isso - afirmou.

Contra o Fla, Diego Cavalieri e Henrique Dourado foram os únicos jogadores considerados titulares que iniciaram a partida. O treinador do Flu adotará estratégia semelhante diante do Botafogo, em jogo que vale vaga na final da Taça Rio. Nomes como Léo, Henrique, Sornoza e Wellington Silva, os quatro atletas que mais jogaram em 2017, devem ganhar um descanso. Afinal, no dia 13, o Tricolor já entra em campo pela Copa do Brasil, contra o Goiás.

Apesar do Clássico Vovô não ter importância dentro do Estadual, Abel Braga não espera um jogo amistoso. O comandante relembrou a vitória por 3 a 2 sobre o Botafogo há duas semanas - após o Flu sair perdendo por 2 a 0 - e acredita que os jogadores adversários estão com o Tricolor "engasgados".

- Não vai ter relaxamento. O Bruno Silva já falou que está engagasdo. Ninguém vai para amistoso e vamos tentar seguir sem perder clássico - disse Abel, antes de seguir:

- Não sei o que o Botafogo vai fazer, mas se tiver que pôr o melhor eu ponho, se for para fazer um balanço eu faço também. Eu tenho meus poderes e ideias, mas não sou dono da verdade. Vou conversar com a direção e comissão. Se me convencerem que a minha ideia está errada... É assim - finalizou o treinador.









E MAIS: