Bellator 177: Dudu Dantas vence por decisão dividida em noite monótona

A noite desta sexta-feira (14) prometia mais no cage do Bellator. Com três brasileiros em ação nas duas lutas principais da noite, o show de número 177 da franquia for marcado por disputas monótonas e decisões divididas dos jurados que garantiram emoções distintas para os representantes da academia Nova União.

Na luta principal, Eduardo Dantas, campeão peso-galo (61 kg), bateu Leandro Higo após três rounds de pouca ação em pé e sem nenhum momento de disputa no chão. Como resultado, o domínio territorial e os chutes baixos do parceiro de treinos de Zé Aldo convenceram dois dos três jurados.

Vale lembrar que a disputa, no entanto, não valia o cinturão já que o desafiante não bateu o peso correto da categoria. Desta forma,mesmo que vencesse, Higo não seria coroado o novo dono do título dos galos do Bellator,

Já John ‘Macapá’, outro atleta da Nova União, não teve a mesma sorte. Jogando no contra ataque, o ex-TUF Brasil esbarrou na envergadura e no melhor preparo físico do alemão Daniel Weichel. Depois de começar melhor e dominar o primeiro assalto com rápidas sequência de cruzados, o peso-pena (66 kg) brasileiro caiu de rendimento.

Mais lento e sendo alvo dos precisos jabs do adversário, Macapá não se encontrou mais no combate e viu apenas um dos juízes o apontarem como merecedor da vitória em luta que garantiu ao vencedor a chance de disputar o título da divisão, hoje em poder do americano Daniel Straus.