Belfort volta atrás e deixa último duelo da carreira nas mãos do UFC: "Eu aceito"

Vitor Belfort fará apenas mais uma luta como profissional - Florian Sädler

Vitor Belfort já deixou claro que fará apenas mais uma luta e depois pendurará as luvas. Ainda não se sabe quando nem contra quem será esse combate derradeiro, mas, em conversa com a Ag. Fight, o ‘Fenômeno’ chegou a pedir um lutador “mais tranquilo”. E agora parece que o carioca voltou atrás nesse pensamento.

Em um longo post em sua conta no Instagram, Belfort tentou explicar melhor a sua ideia para a luta que está por vir. Ele voltou a citar os grandes nomes que enfrentou nos últimos anos e admitiu que alguém teoricamente menos qualificado seria bom, mas não deve fazer esse tipo de pedido ao Ultimate.

“Se eu gostaria de um oponente que pelo menos teoricamente eu nocautearia com mais facilidade… Eu confesso que seria ótimo! Mas esse não seria EU… Não seria a altura da minha história ou do legado que quero deixar para as próximas gerações”, escreveu o carioca.

Aos 39 anos, Belfort garantiu que ainda tem “truques na manga” e pediu para que seus fãs o acompanhem nessa última caminhada ao octógono mais famoso do mundo.

“Agora quem quer que eles me deem como última luta… Eu aceito! Me deem essas “rising stars” ou grandes nomes… Não importa! Deixe que venham! Eu posso estar mais velho, mas com certeza ainda tenho truques na manga… Convido a todos para caminharem comigo esta última milha. Eu quero e preciso do apoio de vcs! Amo vocês”, concluiu.

Belfort possui um cartel de 25 vitórias e 14 derrotas como profissional. A última delas aconteceu no dia 17 março, em Fortaleza. O Fenômeno foi nocauteado por Kelvin Gastelum, que agora enfrentará Anderson Silva no UFC Rio, em junho.

Confira abaixo o comunicado de Vitor Belfort ou clique aqui.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT