Belfort promete se reinventar em busca de redenção no UFC Fortaleza

Luis Fernando Coutinho

O UFC Fight Night que acontece neste sábado, em Fortaleza, representa muito para Vitor Belfort. Maior astro do evento que acontece no Centro de Formação Olímpica, a partir das 21h, o ex-campeão dos médios busca redenção. Diante de Kelvin Gastelum, o brasileiro tenta se recuperar das duas derrotas sofridas nas últimas lutas, e nada melhor do que fazer isso diante do povo brasileiro.

Aconteceu no Brasil a última vitória do fenômeno, em novembro de 2015. Ele saiu do octógono vencedor em seis das sete apresentações que fez no país durante sua carreira. Do outro lado do cage, Vitor terá um adversário 14 anos mais jovem, que soma duas vitórias consecutivas e já ganhou parte da torcida durante a semana da luta ao cantar e dançar Wesley Safadão em treino aberto e divertir o público.

- O brasileiro gosta de festa, de graça... Ele está tentando atrair a torcida para o lado dele. Eu não preciso disso. Trarei um novo Vitor agora. Preciso me reinventar, escrever uma história nova. Estou muito confiante. Com certeza (Gastelum vai evitar a trocação). Tenho certeza de que ele vai querer levar a luta para o chão (...) Espero um bom combate - projetou o fenômeno.

Rival de Belfort, Gastelum prega respeito e sonha vencer com a marca maior do brasileiro: o nocaute.

- Quero nocautear, gosto de boxear, lutar muay thai, mas vou fazer uma luta inteligente, não vou jogar o jogo dele, temos que ser inteligentes. A melhor forma de vencer o Vitor seria conseguir fazer o que ele faz, que é nocautear as pessoas (risos) - afirmou Gastelum, em conversa com o LANCE!.

Além de Belfort x Gastelum, o UFC Fortaleza conta ainda com as apresentações de nomes como Mauricio Shogun, Edson Barboza, Bethe Correia, Francisco Massaranduba e mais.









E MAIS: