Belfort garante que tem projeto para 'liga das lendas' e revela regras básicas

Vitor Belfort foi nocauteado por Kelvin Gastelum no UFC Fortaleza - Florian Sädler

A carreira de Vitor Belfort está próxima do fim. Após sofrer o terceiro nocaute seguido neste sábado (11), quando foi derrotado por Kelvin Gastelum no UFC Fortaleza, o carioca revelou que só tem mais uma luta em seu contrato com o Ultimate e que essa será a sua última. E o ‘Fenômeno’ já tem planos para o futuro, que incluem a proposta da criação de uma liga de MMA para lendas do esporte, com regras diferentes das atuais e que foram reveladas pelo atleta.

Em entrevista coletiva realizada após o término do UFC Fortaleza, Belfort contou sobre o seu projeto e garantiu que diversos atletas já vieram elogiar a sua proposta. De acordo com o carioca, algumas mudanças nas regras teriam que ser feitas para preservar a saúde dos atletas veteranos, como realizar rounds de três minutos com um minuto e meio de intervalo e proibir o uso de joelhos e cotovelos nos combates.

“Eu tenho certeza que eu represento eles [veteranos] Sei que se essa categoria existisse, muita gente participaria. Muitos lutadores já vieram falar comigo. Eu tenho um projeto pronto. Poderia apresentar ele amanhã. Sei que todos gostariam de ver esses lutadores em ação. Algumas regras seriam diferentes: não valeira cotovelada e joelhada, o tempo de solo seria de 30 segundos e os rounds de três minutos. O intervalo entre os rounds seria de um minuto e meio, então teria mais tempo para comerciais. Acho que essa seria um projeto para o MMA internacional. E eu penso nisso porque eu tenho vontade de continuar no esporte”, declarou.

Além da proposta para a criação da liga de MMA para veteranos lendas do esporte, Belfort revelou que está abrindo uma franquia de academias e que o seu objetivo agora também inclui ajudar as pessoas a terem uma vida mais saudável: “Estou abrindo a minha franquia de academia. A minha missão agora é ajudar as outras pessoas”.

Com mais de 20 anos dedicados ao MMA, Belfort foi o vencedor do Torneio de Pesados do UFC 12, em 1997, e é ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) da organização. Aos 39 anos de idade, o veterano coleciona na carreira um cartel com 25 vitórias e 14 derrotas.