Barcelona denuncia Uruguai por 'forçar a barra' com o lesionado Ronald Araújo, diz jornal

Araújo se recupera de uma lesão muscular na coxa direita (Foto: PABLO PORCIUNCULA / AFP)


O Barcelona-ESP está preocupado com a estreia do Uruguai na Copa do Mundo do Qatar, que acontece nesta quinta-feira, às 10h (de Brasília), contra a Coreia do Sul. O motivo é Ronald Araújo, lateral do clube espanhol. Segundo o jornal MARCA, há uma acusação contra a seleção de 'não preservar o jogador', que se recupera de uma lesão muscular na coxa.

> Veja jogadores de Argentina, Equador e Uruguai que atuam na América do Sul

O lateral sofreu uma lesão muscular na coxa direita em setembro deste ano, justamente em um amistoso da seleção celeste. Segundo o departamento médico do Barcelona, que inclusive enviou fisioterapeutas ao Qatar, de acordo com apuração do LANCE!, a estimativa de recuperação era de oito semanas.

Apesar das dúvidas, Araújo foi convocado pelo treinador Diego Alonso, causando preocupação no clube espanhol. Os profissionais do clube "Culé" temem que a seleção uruguaia acelere o retorno do jogador aos gramados.

> Clique e confira a tabela completa e simulador da Copa do Mundo!

Ainda segundo o MARCA, dirigentes do Barcelona pediram para que a Associação Uruguaia de Futebol (AUF) assinasse um documento se comprometendo a não utilizar Ronald Araújo nas primeiras partidas da Copa do Mundo. Contudo, o pedido foi recusado, fazendo com que o clube pense em denunciar os uruguaios na FIFA.

Perguntado sobre a questão física de Ronald Araújo e se o jogador entrará em campo já na primeira rodada, o treinador Diego Alonso desconversou, mas afirmou que há uma evolução.

- Em princípio, Ronald vem trabalhando melhor a cada dia, vem evoluindo. O corpo é o que vai nos dizer quando ele está em forma. Ele vem evoluindo e nos sentimos muito felizes com a forma como ele está - concluiu.