Barcelona é clube que mais sofreu com desvalorização do elenco na pandemia, diz estudo

Goal.com

O elenco do Barcelona é o que mais sofreu desvalorização desde o início da pandemia de Covid-19. O estudo realizado pela KPMG, multinacional de auditoria e consultoria, apontou que o valor de mercado do time catalão teve queda de 20,5%.

O estudo levou em consideração o valor dos jogadores de times das 10 principais ligas da Europa antes e depois da paralisação do futebol. A análise também considerou o recomeço das ligas para que não houvesse desigualdade na análise do números.

Além do Barcelona, outros grandes clubes viram o valor de seu elenco diminuir consideravelmente com a pandemia. Completando o top 5 de maiores desvalorizações estão: Napoli, com queda de 19,8%; Real Madrid, 19,1%; Chelsea, 19%; e Arsenal, 18,9%.

O elenco do PSG também teve uma considerável queda em seu valor. Puxado pela queda do valor de Neymar, o time desvalorizou 18,1%. Vale lembrar que a Ligue 1 foi encerrada sem que os clubes voltassem aos gramados e o Paris Saint-Germain foi declarado campeão.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também