Barça vence Real Sociedad nos pênaltis e vai à final da Supercopa da Espanha

·2 minuto de leitura
O goleiro Marc-Andre ter Stegen foi o heroi da classificação do Barcelona para a final da Supercopa nesta quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

O Barcelona se classificou à final da Supercopa da Espanha nesta quarta-feira ao vencer a Real Sociedad nos pênaltis por 3 a 2 (1 a 1 no final dos 90 minutos e na prorrogação) na primeira semifinal, disputada em Córdoba.

Sem seu capitão Lionel Messi, com dores na coxa, o goleiro Marc André Ter Stegen acabou sendo o herói da partida ao defender dois dos cinco pênaltis da Real.

E o primeiro gol do jogo começou dos pés de Braitwhaite, que substituiu o astro argentino. Ele tocou para o francês Antoine Griezmann que cruzou da esquerda para que o holandês Frenkie De Jong abrisse o placar de cabeça (39).

O time basco reagiu e pressionou até que no início do segundo tempo um cruzamento da esquerda atingiu o braço do próprio De Jong, causando um pênalti que Oyarzabal converteu (51).

O gol animou a Real Sociedad, que continuou a pressionar até que a passagem dos minutos começou a pesar para os 'donostiarras', que demoravam mais a alcançar as bolas.

O Barça voltou a dominar, mas foi incapaz de acertar o gol de Remiro novamente, levando a partida para a prorrogação.

No tempo extra, o duelo teve emoção dos dois lados e os goleiros se destacaram, mas o placar não se mexeu.

Na disputa de pênaltis, foi a vez de Ter Stegen mostrar por que é considerado um dos melhores do mundo.

O goleiro alemão defendeu o pênalti cobrado pelo capitão da Real Sociedad, assim como de Jon Bautista, enquanto Willian José bateu na trave e Mikel Merino e Januzaj marcaram.

O Barça teve mais pontaria, com gols de Ousmane Dembélé, Pjanic e Riqui Puig, que converteu o pênalti final. Frenkie de Jong havia acertado a trave e Griezmann isolou para o alto.

"Nos primeiros vinte e cinco minutos eles pressionaram muito, foi difícil para nós. Depois encontramos mais espaços e no final foi difícil para eles pressionarem", explicou Ter Stegen ao Movistar Plus.

"A vitória é merecida. Eles tiveram mais algumas chances na prorrogação, mas nós vencemos, e é o que devíamos ter feito", acrescentou o goleiro do Barcelona.

A equipe catalã espera agora pelo adversário de domingo, que sairá da semifinal desta quinta-feira entre o Athletic Bilbao e o Real Madrid, atual campeão da Supercopa.

gr/mcd/aam