Barça sofre até a prorrogação mas elimina o modesto Intercity na Copa do Rei

O Barcelona precisou jogar a prorrogação para vencer por 4 a 3 o Intercity, modesto time de Alicante que joga na terceira divisão do futebol espanhol, e se classificar para as oitavas de final da Copa do Rei.

O Barça ficou em vantagem em quatro ocasiões, com gols do uruguaio Ronald Araujo (4), do francês Ousmane Dembelé (66), do brasileiro Raphinha (77) e de Ansu Fati (103), mas os donos da casa conseguiram empatar três vezes, com um hat-trick de Oriol Soldevila (59, 74 e 86).

"Nós nos complicamos. Como nos outros jogos desta temporada, faltou força nas duas áreas", admitiu o treinador do Barça, Xavi Hernández.

"Acho que fomos bem na circulação, no ritmo, em criar chances, mas temos que fechar os jogos muito antes", acrescentou.

Um dos grandes protagonistas da partida foi Araujo, que voltou três meses após sofrer a lesão que o deixou fora da Copa do Mundo do Catar e o fez com um golaço logo no início, finalizando um escanteio com uma cabeçada poderosa (4).

Pouco depois salvou sua equipe, tirando na linha do gol uma bola chutada por Aarón, o melhor dos locais (18) ao lado do atacante Oriol Soldevila.

O Barcelona dominou e teve muitas chances, mas não conseguiu materializá-las e matar o jogo, deixando o Intercity crescer até empatar em uma bomba de Soldevila de dentro da área (58).

Com a equipe da casa sonhando em levar o Barça à prorrogação, Dembelé apareceu para marcar o segundo, depois de ficar cara a cara com o goleiro adversário e marcando com um chute cruzado (66).

O líder da LaLiga parecia ter feito seu trabalho, mas após outro cruzamento da esquerda de Cristo Romero novamente Soldevila apareceu para marcar de cabeça (74). Logo em seguida o brasileiro Raphinha, que estava em campo havia poucos minutos, resgatou o Barça, finalizando um cruzamento rasteiro de Jordi Alba (76) na segunda trave.

De forma incompreensivel, o Barcelona não soube diminuir o ritmo do jogo e as duas equipes passaram a se atacar mais intensamente. Foi assim que veio o terceiro gol de Soldevila (86) levando o confronto para a prorrogação.

Nos acréscimos, os donos da casa mostraram desgaste físico e o Barça aproveitou para fazer o quarto, uma bola que Raphinha colocou no meio da área e Ansu Fati mandou para o fundo da rede (103).

E a partir de então os donos da casa não tiveram mais forças para levar a partida para a disputa nos pênaltis.

- Atlético, Real Sociedad e Sevilla avançam -

Mais cedo o Atlético de Madrid venceu o Oviedo, da segunda divisão, fora de casa por 2 a 0 no estádio Carlos Tartiere.

Depois de um início de jogo em que Oviedo teve as melhores chances, o Atlético, atual quarto colocado da LaLiga, conseguiu abrir o placar aos 24 minutos com um gol de Marcos Llorente, com assistência do francês Antoine Griezmann.

O segundo gol 'colchonero' só veio na reta final (83) por meio do jovem de 19 anos Pablo Barrios após um passe do argentino Ángel Correa, tricampeão mundial no Catar.

Mais cedo Real Sociedad e Sevilla fizeram sua parte em suas respectivas visitas a equipes da 1ª RFEF, terceira divisão do futebol espanhol, e venceram UD Logroñés (1-0) e Linares (5-0).

Um gol de Robert Navarro aos 33 minutos foi o suficiente para a Real Sociedad, atual terceira colocada da LaLiga, garantir a passagem para as oitavas de final.

Os 'blanquiazules' poderiam ter vencido por um placar mais elástico e aos 67 minutos tiveram um gol anulado do norueguês Alexander Sorloth. Não conseguiram materializá-los e tiveram que esperar o apito final para respirar aliviados.

A visita do Sevilla ao Linares foi bem mais tranquila, com uma vitória maiúscula de 5 a 0, em que o marroquino Youssef En Nesyri brilhou com um hat-trick. Um gol do argentino Erik Lamela e outro contra do compatriota Luciano Squadrone completaram a goleada da equipe de Jorge Sampaoli, que foi expulso antes dos 20 minutos por reclamar com o árbitro da partida.

Com esta vitória, o Sevilla ganha uma injeção de ânimo já que vive uma complicada situação na LaLiga, onde ocupa a zona de rebaixamento.

O Mallorca, por sua vez, precisou jogar a prorrogação para sair vitorioso sobre o Pontevedra (2-0), em outro duelo contra uma equipe da 1ª RFEF.

Depois de empatar em 0 a 0 nos noventa minutos do tempo regulamentar, o Mallorca venceu com gols de Abdón Prats (97) e do kosovar Vedat Muriqi (104).

Em outro duelo disputado nesta quarta-feira, o Valladolid perdeu por 1 a 0 para o Alavés e se tornou um dos quatro times da primeira divisão eliminados por times de divisões inferiores, junto com Rayo Vallecano, Getafe e Elche, além do Celta, que perdeu para o Espanyol no único duelo entre clubes da primeira divisão.

Na terça-feira, o Real Madrid suou para vencer o Cacereño (da 2ª RFEF), por 1 a 0, com um golaço do brasileiro Rodrygo.

Na quinta-feira terminam os 16 avos-de-final com mais três jogos, incluindo o Betis, atual campeão, contra o Islas Pitiusas de Ibiza (2.ª RFEF).

-- Jogos dos 16-avos de final da Copa do Rei:

- Terça-feira:

CF La Nucía (1ª RFEF) - (+) Valencia (1ª) 0 - 3

Cartagena (2ª) - (+) Villarreal (1ª) 1 - 5

(+) Espanyol (1ª) - Celta Vigo (1ª) 3 - 1

Cacereño (2ª RFEF) - (+) Real Madrid (1ª) 0 - 1

(+) AD Ceuta (1ª RFEF) - Elche (1ª) 1 - 0

(+) Levante (2ª) - Getafe (1ª) 3- 2

(+) Sporting Gijón (2ª) - Rayo Vallecano (1ª) 2 - 0

- Quarta-feira:

UD Logroñés (1ª RFEF) - (+) Real Sociedad (1ª) 0 - 1

Linares (1ª RFEF) - (+) Sevilla FC (1ª) 0 - 5

Pontevedra (1ª RFEF) - (+) Mallorca (1ª) 0 - 2 (após prorrogação)

Real Oviedo (2ª) - (+) Atlético Madrid (1ª) 0 - 2

CF Intercity (1ª RFEF) - FC Barcelona (1ª) 3 - 4 (após prorrogação)

(+) Alavés (2ª) - Valladolid (1ª) 1 - 0

- Quinta-feira:

(12h00) CD Ibiza Islas Pitiusas (2ª RFEF) - Betis (1ª)

(14h00) Gimnastic Tarragona (1ª RFEF) - Osasuna (1ª)

(16h00) CD Eldense (1ª RFEF) - Athletic Bilbao (1ª)

(+): times classificados para as oitavas de final.

bur-dr/mcd/aam