Barça derrota Valencia (1-0) com gol de Lewandowski nos acréscimos e alcança Real Madrid

O Barcelona, ainda emocionalmente afetado pela eliminação esta semana no grupo da Liga dos Campeões, sofreu muito para conseguir a vitória por 1 a 0 fora de casa contra o Valencia (10º), com um gol nos acréscimos de Robert Lewandowski, neste sábado pela 12ª rodada.

Quando tudo parecia apontar para um empate em Mestalla, o atacante polonês apareceu na segunda trave para desviar para as redes um belo cruzamento do companheiro brasileiro Raphinha (90+3).

Estes três pontos permitem ao Barcelona somar 31, os mesmos do Real Madrid, a quem supera provisoriamente devido a um melhor saldo de gols. Mas falta os 'merengues' disputaram um jogo a menos e entram em campo neste domingo para jogar em casa contra o Girona (19º).

O Barça, para quem a LaLiga ganhou agora prioridade após o fracasso europeu, pressiona seu grande rival e, acima de tudo, ganha um tempo de descanso depois de ser eliminado da Liga dos Campeões na quarta-feira ao perder por 3 a 0 no Camp Nou para o Bayern de Munique.

Lewandowski, com 13 gols, se consolida na artilharia da LaLiga, agora com seis à frente de Joselu (Espanyol) e Borja Iglesias (Betis).

A má notícia para o Barça foi a substituição do zagueiro francês Jules Koundé aos 73 minutos devido a uma lesão na coxa esquerda. Provável titular na sua seleção, este revés preocupa os 'Bleus', que já sofreram com vários desfalques importantes na defesa, a três semanas do Mundial.

Da mesma forma com a perspectiva do Catar, outro importante jogador teve que ser substituído devido a um problema físico em Mestalla: o uruguaio Edinson Cavani, do Valencia, também foi substituído durante o duelo, no caso dele aos 18 minutos com problemas no tornozelo direito

- Atlético e Sevilla perdem -

Mais cedo, Atlético de Madrid e Sevilla, ambos eliminados esta semana em seus grupos da Liga dos Campeões, sofreram mais um duro golpe ao perderem seus respectivos duelos para o Cádiz (3-2) e o Rayo Vallecano (1-0), pela décima segunda rodada da LaLiga espanhola.

Para o Atlético, que jogou fora de casa, o resultado foi especialmente doloroso, já que sofreu um gol no último minuto dos acréscimos e ainda viu seu atacante Álvaro Morata se machucar.

A partida teve alguns minutos loucos, até esse gol do Cádiz (agora 18º, ainda na zona de rebaixamento) aos 90+9, que Rubén Sobrino marcou de peito e deixou os três pontos na Andaluzia.

Antes disso, o Cádiz havia chegado à reta final com uma vantagem de 2 a 0, graças aos gols de Theo Bongonda (1 minuto) e Álex Fernández (81), mas um gol contra de Luis Hernández (84) e o gol de João Félix (88) deram ao Atlético a esperança de sair com pelo menos um ponto, algo que acabou saindo de controle.

-- Jogos da 12ª rodada da Liga espanhola e classificação:

- Sexta-feira:

Mallorca - Espanyol 1 - 1

- Sábado:

Almería - Celta 3 - 1

Cádiz - Atlético de Madrid 3 - 2

Sevilla - Rayo 0 - 1

Valencia - Barcelona 0 - 1

- Domingo:

(10h00) Osasuna - Valladolid

(12h15) Real Madrid - Girona

(14h30) Athletic - Villarreal

(17h00) Real Sociedad - Betis

- Segunda-feira:

(17h00) Elche - Getafe

Classificação: Pts J V E D GP GC SG

1. Barcelona 31 12 10 1 1 29 4 25

2. Real Madrid 31 11 10 1 0 28 9 19

3. Atlético de Madrid 23 12 7 2 3 20 12 8

4. Real Sociedad 22 11 7 1 3 16 13 3

5. Betis 20 11 6 2 3 14 8 6

6. Athletic 18 11 5 3 3 19 12 7

7. Villarreal 18 11 5 3 3 14 7 7

8. Rayo 18 12 5 3 4 17 14 3

9. Osasuna 17 11 5 2 4 11 11 0

10. Valencia 15 12 4 3 5 18 14 4

11. Valladolid 14 11 4 2 5 11 15 -4

12. Mallorca 13 12 3 4 5 10 13 -3

13. Almería 13 12 4 1 7 15 20 -5

14. Espanyol 11 12 2 5 5 15 20 -5

15. Celta 11 12 3 2 7 13 24 -11

16. Getafe 10 11 2 4 5 11 19 -8

. Sevilla 10 12 2 4 6 11 19 -8

18. Cádiz 10 12 2 4 6 8 24 -16

19. Girona 9 11 2 3 6 15 19 -4

20. Elche 4 11 0 4 7 8 26 -18

bur-pve/dr/aam