Bap afirma que saída de Pelaipe foi decisão de Rodolfo Landim

Luiz Eduardo Baptista fala sobre bastidores do Flamengo - Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)
Luiz Eduardo Baptista fala sobre bastidores do Flamengo - Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Fla Imagem)


Luiz Eduardo Baptista, vice de relações externas do Flamengo, falou pela primeira vez sobre a polêmica demissão de Paulo Pelaipe e revelou qual sua relação com Marcos Braz. Em entrevista para 'Fox Sports', Bap afirmou ter um ótimo relacionamento com o vice de futebol do Rubro-Negro, mas que 'não concorda com tudo'.

- Tenho uma ótima relação com o Marcos Braz, mas não concordo com todos os assuntos. Tenho dito que o Flamengo é grande para ser exclusivo, tem que ser inclusivo. Eu advoguei a aproximação junto ao Marcos Braz, e fui muito criticado à época. Eu entendia que o Marcos Braz poderia agregar conhecimento à nossa boa gestão. Temos qualidade que ele talvez não tivesse, e vice-versa. Mesmo sem concordar com tudo, o Flamengo teve um ano histórico, o melhor em 38 anos - afirmou Bap.

De acordo com o dirigente, a decisão sobre a saída de Pelaipe foi do presidente Rodolfo Landim.

- Não existiu influência minha na saída do Paulo Pelaipe. Sabia do problema que estávamos vivendo. Mas a decisão foi do presidente Landim, ele chamou a responsabilidade. Ele já tinha um desconforto em relação a estrutura do futebol do Flamengo, achava que estava carregada, uma duplicidade de papéis, mas isso foi contornado. No fim do ano ele entendeu que por uma ocorrência específica que aconteceu, não fazia sentido a renovação. Ainda que eu tenha concordado com o presidente, não tive a ver com a saída - disse Bap, que voltou a afirmar que não teve envolvimento com a saída de Pelaipe.

- Concordei com o argumento que era irrefutável. Eu trouxe o Pelaipe em 2013 e de volta em 2019. Ele deveria voltar ainda com papel diferente. Mas concordo com a decisão do Landim. Não tive nada a ver com a saída do Paulo Pelaipe.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também