Bando de Loucos: Campeão dos Campeões, hoje e sempre

Anteontem saiu o último classificado da Semi-Final do Campeonato Paulista e o grande burburinho nas redes sociais da blogosfera corinthiana era sobre o adversário do Corinthians, diante da dantesca combinação de pontos inventada no Regulamento da Federação Paulista de Futebol.

É de conhecimento de todo mundo que o Corinthians não vive o melhor dos mundos em 2017, ainda tenta se acertar com a bola no pé e melhorar a pressão em seu sistema reativo, mas me irrita bastante quando se vê torcedor do Corinthians ansioso para saber o adversário querendo evitar um encontro com time “X” ou time “Y”, quando o comportamento deveria ser exatamente o inverso.

O Corinthians foi, é e sempre será o time a ser batido. Especialmente no Campeonato Paulista, onde nem o absurdo domínio do Santos em Finais nos últimos 17 anos chegou perto de ameaçar o maior Campeão Estadual em São Paulo. Eles é quem tem que ter medo de cair contra o Corinthians.

Uma blasfêmia ! Um ultraje. Entendo que camisa pesar nos dias atuais talvez não tenha tanta significância como em décadas passadas (a Ponte Preta mesmo, eliminou o

Santos), mas o Corinthians e sua torcida, no mínimo, precisa gerar o sentimento de desespero no adversário.

Simplesmente porque é o Corinthians.

E um Corinthians que voltou a reinar em clássicos. Isso basta.

Trata-se do Campeão dos Campeões, independente de fase, elenco ou treinador. A possibilidade de cair contra o Corinthians deveria ser motivo de desespero em Salões

Nobres no Morumbi e no Moisés Lucarelli (os dois adversários possíveis antes da rodada das Quartas terminar). A torcida apavorada deveria ser a deles, não a nossa.

Rodriguinho Corinthians Botafogo-SP Paulista 09042017

É um fenômeno muito parecido com a Seleção Brasileira no famoso sorteio das bolinhas da Copa do Mundo. Por mais que o Brasil chegue para um Mundial em fase mediana, ou com quatro ou cinco seleções em fase bem melhor, cair no Grupo do Brasil significa choro e ranger de dentes. Não interessa a fase.

Assim que tem que ser. E é assim que é.

Com o Corinthians é um fenômeno parecido. O pavor em cruzar com o Corinthians em mata mata precisa ser disseminado. Os resultados em embates contra os nossos rivais em 2017 favorecem tal péssima notícia para os fãs dos possíveis adversários.

Torcida Corinthians Linense Paulista 29032017

O Corinthians talvez não seja o melhor tecnicamente.

Mas certamente é o que causa mais desespero em enfrentar em demais clubes do mata- mata.

E sua torcida precisa acreditar nisso. Pois é verdade. Acredite na camisa. Ela tem poder.