Baleia é encontrada morta com 100kg de lixo no estômago

A carcaça do animal foi enterrada na praia (Foto: Arquivo Pessoal/Dan Parry)
A carcaça do animal foi enterrada na praia (Foto: Arquivo Pessoal/Dan Parry)

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Sacolas plásticas, redes de pesca e rolos de corda estavam dentro do animal

  • Cientistas tentam definir se lixo foi a causa da morte da baleia

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Após dissecar uma baleia cachalote que morreu na última quinta-feira (28) encalhada na Ilha Harris, na Escócia, cientistas encontraram 100 kg de lixo no estômago do animal. Os resíduos incluíam sacolas e copos de plástico, redes de pesca e rolos de corda.

Os especialistas do Scottish Marine Animal Stranding Scheme (Smass), organização escocesa que investiga mortes de baleias e golfinhos, agora tentam definir se o lixo foi a causa da morte. De qualquer forma, os pesquisadores veem a ocasião como um sinal do tamanho do problema da poluição dos mares:

"O animal não estava particularmente em más condições e, embora seja certamente plausível que essa quantidade de detritos tenha sido um fator para encalhar, não conseguimos encontrar, na verdade, evidências de que isso tenha afetado ou obstruído seu intestino. No entanto, ter essa quantidade de plástico no estômago é terrível, deve ter comprometido a digestão e serve para demonstrar mais uma vez os perigos que o lixo nos oceanos e equipamentos de pesca perdidos ou descartados podem representar à vida marinha”, disse a organização em uma publicação no Facebook.

Leia também

De acordo com o Smass, o número de baleias e golfinhos encalhados nas praias escocesas está aumentando: em 2009, foram 204 ocorrências. Em 2018, o número subiu para mais de 930.

A carcaça da baleia foi encontrada na praia de Seilebost. Dan Parry, que mora na praia vizinha de Luskentyre, conta que caminha no local todos os dias e sempre leva uma sacola plástica para recolher o lixo que encontra – em geral, equipamentos de pesca.

A Guarda Costeira e o Western Isles Council, que administra as ilhas ocidentais da Escócia, foram responsáveis por cavar um buraco gigante na areia da praia para enterrar a baleia.

Redes de pesca e rolos de corda estão entre os resíduos encontrados no corpo do animal (Foto: Arquivo pessoal/Dan Parry)
Redes de pesca e rolos de corda estão entre os resíduos encontrados no corpo do animal (Foto: Arquivo pessoal/Dan Parry)

Leia também