Por acidente com Stroll, Sainz perde 3 lugares no grid do GP da Rússia

Redação Central, 16 abr (EFE).- O espanhol Carlos Sainz, da Toro Rosso, foi punido neste domingo com a perda de três posições no grid de largada para o Grande Prêmio da Rússia de Fórmula 1, que será disputado daqui duas semanas, por causa do acidente com o canadense Lance Stroll, da Williams.

Os comissários da terceira prova do Campeonato Mundial da categoria, após análise de vídeo, decidiram que o dono do carro de número 55 foi o causador da colisão com o novato, que aconteceu na 13ª volta.

O entendimento foi que, ao sair do pit lane, o espanhol fez uma "muito otimista tentativa de ultrapassar o carro 18 na curva".

O choque acabou determinando o fim da participação de Stroll e do próprio Sainz na corrida, e ainda obrigou a entrada do carro de segurança na pista.

O Grande Prêmio da Rússia, que é disputado no autódromo de Sochi, acontecerá no dia 30 de abril, com as atividades sendo iniciadas dois dias antes, com os primeiros treinos livres. EFE