Baby perde nas quartas de final e pegará Riner na repescagem do judô em Tóquio

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O judoca brasileiro Rafael Silva, o Baby, perdeu nas quartas de final do peso pesado, a categoria acima de 100 kg, nas Olimpíadas de Tóquio-2020, para o atleta da Geórgia Guram Tushishvili, nesta sexta-feira (30), após sofrer três penalidades por falta de combatividade.

Ele irá disputar a repescagem a partir das 5h desta sexta (horário de Brasília) e, para ter chance de alcançar a medalha de bronze, terá que superar o francês Teddy Riner, bicampeão olímpico e que surpreendentemente caiu nas quartas, para o russo Tamerlan Bashaev.

Um dos maiores nomes da história do esporte, Riner chegou a passar 154 lutas invicto. Foram cerca de dez anos sem perder. Mas ele competiu pouco no último ciclo olímpico e em 2020 foi derrotado duas vezes.

Em fevereiro, o francês caiu diante do japonês Kokoro Kageura no Grand Slam de Paris. Em outubro, perdeu para o compatriota Omais Joseph Terhec em um torneio nacional.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos