Autuori parabeniza coragem de dirigentes da dupla Atletiba

Gazeta Press

Uma das declarações mais aguardadas após o Atletiba que não aconteceu pela quinta rodada do Campeonato Paranaense 2017 era a do técnico Paulo Autuori. O comandante atleticano criticou as determinações da Federação Paranaense de Futebol – que alegou falta de credenciamento de alguns profissionais no gramado que faziam uma transmissão online – e apoio a decisão dos clubes em sair do gramado da Arena da Baixada sem jogar.

“Uma atitude arbitrária da Federação em relação a uma possibilidade de credenciamento dos que eles ali estavam. E a transmissão seria pela internet, de forma gratuita. Não tem o mínimo de embasamento a proibição”, disse o treinador, que parabenizou as diretorias pela decisão. “Temos que parabenizar a coragem pela tomada de decisões corajosas. Coragem é o que é preciso para mudar o rumo dos acontecimentos do que é o futebol brasileiro”, emendou.

Para o treinador rubro-negro, a causa dos clubes e justa e ainda faltou bom senso por parte da FPF. “Credenciamento poderia ter sido feito. Isso não é um motivo plausível. Já vimos credenciamento momentos antes da partida. Mas, fico satisfeito porque é uma quebra de paradigma. Podemos ver na imprensa valores que beiram o ridículo em relação a clubes do Paraná para outros Estados”

Autuori ainda lembrou dos transtornos vividos pelo torcedor, mas voltou a questionar os motivos apresentados. “Seria egoísmo falar só por nós. E os torcedores que estiveram lá? Espero que tudo aconteça de forma pacífica do lado de fora do estádio. Com certeza tem instituições fortes ter por de trás disso. Acho q a Federação não teria cacife para tomar uma decisão dessas. Credenciamento é só uma justificativa. Seria mesmo esse o motivo?”, concluiu.

Leia também