Autoridades identificam responsável por morte de torcedor na Argentina

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Autoridades da cidade argentina de Córdoba identificaram um dos responsável pela morte de Emanuel Balbo, 26, durante a partida entre Belgrano e Talleres no último sábado (15). Segundo o jornal "La Nación", trata-se de Oscar 'Sapito' Gómez.

Goméz estava na torcida do Belgrano para a partida quando cruzou com Balbo, igualmente torcedor do clube celeste. Os dois haviam se desentendido em 2013, quando o irmão de Emanuel, Agustín, 14, foi morto por torcedores.

Ao se encontrar com Balbo no estádio Mário Kempes, 'Sapito' acusou o também fã do Belgrano de ser torcedor do arquirrival Talleres. Perseguido nas tribunas, Balbo foi agredido e atirado de um vão de 20 m de altura. No chão, ainda foi vítima de mais golpes.

Sapito Gómez é um dos seis detidos pela morte de Balbo. A comissão disciplinar da Associação de Futebol da Argentina (AFA) estuda punir o Belgrano com jogos sem torcida até o fim do Campeonato Argentino, o que irritou o técnico do time.

"Feitos mais graves terminaram com punições mais leves. Me parece um método de extorsão", criticou Sebastián Méndez.