Audiência alta no 0 a 0 do Paulistão, freguesia no Grenal, façanha em PE, tri em Curitiba e Galo na 14ª final seguida

Jorge Nicola
·4 minuto de leitura
Gustavo Gomez e Gil disputam a bola na final do Paulistão que terminou com 37 faltas (Daniel Augusto Jr/Corinthians)
Gustavo Gomez e Gil disputam a bola na final do Paulistão que terminou com 37 faltas (Daniel Augusto Jr/Corinthians)

A quarta-feira foi bem gorda no futebol brasileiro e o Blog separou números e curiosidades importantes para você ficar muito bem informado a respeito dos estaduais em São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná, Pernambuco e Minas Gerais.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

CORINTHIANS 0 x 0 PALMEIRAS
- apesar do péssimo jogo, especialmente no segundo tempo, a Globo registrou a maior audiência da quarta-feira com o clássico. Média de 34 pontos e picos de 37,9
- o Palmeiras segue com números horríveis diante do grande rival na era Maurício Galiotte: duas vitórias, três empates e oito derrotas
- se faltaram gols, sobraram faltas: foram 37 faltas, sendo 21 do Corinthians e 16 do Palmeiras
- a taça ficou para a segunda final, marcada para sábado, 16h30, no Allianz Parque

Leia também:

GRÊMIO 2 x 0 INTER
- o Grêmio ficou com o título do 2º turno do Campeonato Gaúcho após mais uma vitória contra o freguês Inter, com gols de Maicon e Isaque, ambos na etapa final
- agora já são nove jogos sem vitória do Colorado em Grenais, com cinco derrotas e quatro empates
- o duelo desta quarta-feira marcou a despedida de Everton Cebolinha, vendido ao Benfica por 20 milhões de euros
- Musto foi o escolhido pelo torcedor do Inter como o grande vilão da noite
- Guerrero segue sem marcar gols no Grêmio pelo Inter: já são sete jogos. Pelo Fla, também não fez no Vasco, e pelo Timão, só um gol no Palmeiras
- Geromel e Kanemann juntos têm 10 Grenais com cinco vitórias, cinco empates e só três gols sofridos
- as datas das finais do Gauchão entre Grêmio e Caxias devem ser definidas nesta quinta-feira

AMÉRICA 0 x 3 ATLÉTICO-MG
- o Atlético emplacou sua 14ª final consecutiva do Campeonato Mineiro, algo que nenhum outro clube no Brasil tem neste momento
- nas 13 finais disputadas recentemente, o Galo tem seis títulos e sete vice-campeonatos
- os gols da vitória foram de Rever, Marrony e Savarino, todos no segundo tempo, justamente a etapa em que o Galo tem rendido menos sob o comando de Sampaoli
- a final do Mineiro vai ocorrer nos dias 26 e 30 de agosto entre Galo e Tombense, que venceu as duas partidas semifinais contra a Caldense

CORITIBA 1 x 2 ATHLETICO
- o Furacão faturou seu terceiro título consecutivo do Paranaense com gols nos acréscimos: foi assim no 1 a 0 do fim de semana e no 2 a 1 desta quarta-feira, quando perdia até os 45 do segundo tempo
- a partida no Couto Pereira teve o goleiro Santos, do Athletico, como um dos melhores em campo. Já Muralha, do Coxa, participou bem pouco da partida
- já são 19 Atletibas em finais, e agora o Furacão está na frente com 10 conquistas, contra 9 do Coxa
- Dorival Júnior se tornou o 2º técnico a vencer o Campeonato Paranaense por Athletico e Coritiba - ele já havia ganhado pelo Coxa em 2008. O primeiro treinador a fazer a dobradinha foi Abel Braga

SANTA CRUZ 0 (3) x (4) 0 SALGUEIRO
- nos pênaltis, o Salgueiro se tornou o 1º time do interior a vencer o Campeonato Pernambucano em 105 anos
- o Carcará, como também é conhecido, se tornou o 8º time a ganhar o Campeonato Pernambucano
- eram 75 anos consecutivos com títulos de Santa, Sport ou Náutico
- foi só a 14ª participação do Salgueiro na elite pernambucana, mas o time esteve nas últimas sete semifinais e participou da final pela terceira vez no período
- o Santa Cruz acabou como vice-campeão mesmo sem ter sido derrotado em todo o torneio. Nas finais, foram dois empates: 1 a 1 e 0 a 0.

Veja mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos