ATUAÇÕES: Richarlison comanda a virada do Flu no Clássico Vovô

Felippe Rocha e Matheus Dantas

Após sair perdendo por 2 a 0, o Fluminense conseguiu uma boa vitória por 3 a 2 sobre o Botafogo nesta quinta-feira, no Clássico Vovô pela Taça Rio, no Nilton Santos. Richarlison comandou a virada e recebeu a maior nota. Wellington Silva também foi bem avaliado.Com dois gols, Roger foi o melhor do Alvinegro.

BOTAFOGO
5,0
Saulo
Fez uma ótima defesa, mas poderia ter pego o chute de Richarlison no segundo gol do Fluminense. Saldo zero na estreia como profissional.

5,5
Marcinho
Tentou ajudar no apoio, que é a principal característica. Na marcação, pareceu distante em lances importantes, como no segundo gol.

6,5
Carli
Firme e correto na maioria das intervenções que precisou fazer. Saiu no intervalo, com dores após uma dividida com o atacante Richarlison.

5,5
Emerson Silva
Não falhou diretamente em nenhum dos gols, mas não conseguiu orientar a defesa, que se perdeu ao longo da segunda etapa.

5,0
Victor Luís
Teve dificuldade com a velocidade de Wellington pelo seu setor. Tanto que tomou um cartão amarelo ainda no primeiro tempo.

5,0
Bruno Silva
O volante fazia uma partida correta, apesar de sem destaque, até cometer o pênalti que resultou no primeiro gol do Fluminense.

5,0
Airton
A boa técnica não é novidade, mas chegou a perder a bola em setor perigoso. Não deu o bote correto em Richarlison no terceiro gol.

5,5
Camilo
Pela esquerda, fez um bom primeiro tempo. Caiu de produção assim como toda a equipe na segunda etapa. Não rendeu centralizado.

6,5
Montillo
A boa atuação na primeira etapa lhe rendeu uma assistência para Roger. No segundo tempo, foi outro a não conseguir reagir à evolução rival.

6,0
Rodrigo Pimpão
Ótimo cruzamento para o primeiro gol e muita disposição, como sempre. Mas faltou ser mais eficiente na maioria das jogadas que tentou.

7,5
Roger
Parece ter engrenado. Mesmo de forma atabalhoada, fez dois gols. Uma mescla de recurso com oportunismo importante para um centroavante.

5,5
Renan Fonseca
Entrou após o intervalo e o time levou três gols. Mas por incrível que pareça, foi só uma coincidência. O Barba colocou até uma bola na trave.

5,5
Sassá
Entrou como centroavante, o time voltou a ter referência no ataque, mas não concluir bem as duas tentativas: uma delas de bicicleta.

4,5
Guilherme
Preferiu se jogar ao sofrer leve contato de Renato Chaves. Era grande oportunidade para o Botafogo empatar, já no fim do jogo.

5,0
Jair Ventura
Após um primeiro tempo de amplo domínio, o Alvinegro não manteve a pegada. O treinador não conseguiu fazer o time reagir a tempo.

FLUMINENSE
5,5
DIEGO CAVALIERI
Não teve muito o que fazer nos gols de Roger. Apesar de alguns sustos na bola aérea, não foi muito exigido pelo ataque rival. Só duas defesas.

5,5
RENATO
Fez um primeiro tempo bem fraco, mas cresceu demais após o intervalo. Foi à linha de fundo e ajudou no ataque ao lado de Wellington Silva.

4,0
HENRIQUE
De longe, fez sua pior partida no ano. Deu condição para Roger no primeiro gol e foi facilmente batido por Montillo no segundo.

4,5
RENATO CHAVES
Além da habitual dificuldade na saída de bola, o zagueiro também falhou nos gols de Roger. O gol da virada alivia um pouco a péssima atuação.

5,5
LÉO
Ameaçou fazer uma boa dupla com Richarlison no primeiro tempo, mas teve muito trabalho na defesa, com Montillo e Pimpão pelo seu lado.

5,5
LUIZ FERNANDO
Começou meio fora de ritmo, mas depois até encaixou uma boa marcação em Montillo. Acabou substituído no intervalo por Abel Braga.

5,0
DOUGLAS
Como todo o time, foi mal demais no início. Sem marcar e sem ajudar na marcação. Correu mais no segundo tempo, porém seguiu discreto.

7,0
SORNOZA
Demorou para entrar no jogo. Quando já estava 2 a 0, começou a buscar a bola e fez o que se espera dele a partir daí. Muita qualidade no passe.

7,5
WELLINGTON SILVA
Foi o melhor - e mais veloz - jogador do Flu desde o apito inicial. Fatal no mano a mano, deu início a grande virada do Fluminense.

8,5
RICHARLISON
Depois de brigar com os zagueiros no primeiro tempo, resolveu jogar e decidiu. Dois gols, uma assistência e muitos dribles pela esquerda.

5,0
HENRIQUE DOURADO
Mal recebeu a bola enquanto este em campo. Teve que sair da área para tocar nela e não soube o que fazer. Não voltou para a etapa final.

7,0
WENDEL
Entrou com personalidade e deu outro ritmo ao meio-campo tricolor. Ajustou a marcação e deu velocida na transição para o ataque.

7,0
PEDRO
Outro que elevou o nível da atuação do Fluminense. Ganhou a maioria das bolas pelo alto. Muito mais efetivo que Dourado.

6,0
MARQUINHO
Já entrou nos minutos finais da partida, com o Fluminense em vantagem. Ajudou na marcação e não pôde fazer muito com a bola.

7,0
ABEL BRAGA
Estratégia do primeiro tempo deu errada, mas a bronca no vestiário e as mudanças surtiram efeito. Time fez um segundo tempo quase perfeito.

























































































































E MAIS: