ATUAÇÕES: Peixe vai bem, mas Braz vai de herói a vilão contra Aranha

Gabriela Brino e Alexandre Guariglia

O Santos teve destaques em todas as posições no tempo normal, quando venceu a Ponte Preta por 1 a 0. Nos pênaltis, o herói dos 90 minutos virou vilão: David Braz, autor de golaço no início da partida, parou em Aranha, que foi decisivo na classificação da Macaca para a semifinal. Confira as notas:

SANTOS

5,5
Vanderlei



Mais assistiu ao jogo do que participou. Não conseguiu defender nenhuma cobrança de pênalti da Ponte.

6,5
Victor Ferraz


Esforçado, tentou participar e ajudar nas jogadas. Fez bons passes, mas errou alguns cruzamentos.

7,0
Lucas Veríssimo

Confiança foi a palavra-chave para Lucas jogar bem. Conseguiu parar os adversários com facilidade e deu assistência para o gol de David Braz.

6,0
David Braz

Puxou a torcida e voltou a mostrar a diferença que faz em campo, com belo gol. Porém, perdeu penalidade que fez a diferença.

7,0
Zeca


Voltou com sede de defender o Santos. Marcou bem.

7,0
Renato


Mais um jogo em que o volante joga de terno. Roubou várias bolas e fez belos passes para os companheiros.

6,5
Thiago Maia


Estava muito concentrado. Conseguiu roubar várias bolas e voltou a desenvolver seu bom futebol.

7,0
Lucas Lima

Com muita agilidade, conseguiu encaixar as jogadas e fez bons passes para os companheiros. Além de ter marcado nas penalidades.

7,0
Vitor Bueno

Se redimiu com o torcedor. Deu tudo de si em campo, conseguiu fazer bons passes e desenvolveu seu costumeiro bom futebol.

7,5
Bruno Henrique

Mais ágil do que normalmente, conseguiu trazer mais velocidade ao Peixe e fez ótimos passes. Um dos melhores em campo.

6,5
Ricardo Oliveira

Entrou em campo determinado. Criou boas chances para marcar pelo Peixe, inclusive aos dois minutos do primeiro tempo.

6,0
Kayke

Teve pouco tempo para mostrar alguma coisa. Entretanto, converteu a penalidade.

6,0
Copete

Entrou com muita vontade, e apesar de errar alguns passes, tentou até o último minuto. Além disso, marcou o seu nas penalidades.

6,5
Jean Mota

Fez uma boa partida para o tempo que teve. Marcou o seu nas penalidades.

6,5
Téc: Dorival Júnior

Soube fazer o Santos tirar a vantagem da Ponte rapidamente e criar mais chances durante o jogo.

PONTE PRETA

7,5
Aranha



Fez boas defesas e pegou um pênalti da decisão. Essencial.

6,0
Nino Paraíba

Puxou um belo ataque logo no início. Saiu contundido.

4,5
Marllon

Falhou no lance do gol e teve muita dificuldade nas saídas de bola.

7,0
Yago

Bem mais seguro que Marllon, fez o simples e errou pouco na partida.

6,0
Reynaldo

Não deixou o Santos jogar pelo seu lado, mas pecou nos passes

6,0
Élton

Muito bem na marcação, comandou o setor defensivo do meio.

6,0
Wendel

Cansou, mas teve mérito de marcar e tentar colocar a bola no chão.

6,5
Jadson

Mais avançado entre os volantes, teve dificuldade para criar.

6,5
Clayson

Com velocidade, tentou levar algum perigo e fez o seu de pênalti.

5,0
Lucca

Pouco produziu no ataque no primeiro tempo. Foi sacado no intervalo.

6,5
William Pottker

Bem marcado, foi discreto no jogo. Mas decidiu nos pênaltis.

5,5
Jeferson

Não comprometeu, mas deixou alguns espaços na marcação.

6,5
Ravanelli

Quase fez gol de falta e marcou o seu nas cobranças de pênalti.

6,0
Naldo

Entrou para reforçar a marcação na parte final do confronto.

6,5
Téc: Gilson Kleina

Time abdicou do jogo e abusou dos erros de passe. Mas passou nos pênaltis.





























































E MAIS: