Atlético quer a volta de Róger Guedes e intensifica negociação pelo atacante

Yahoo Esportes
Róger Guedes se destacou no curto período que defendeu o Atlético (Pedro Vale/AGIF)
Róger Guedes se destacou no curto período que defendeu o Atlético (Pedro Vale/AGIF)

Depois da contratação do técnico Jorge Sampaoli, a diretoria do Atlético-MG já se movimenta para atender um dos pedidos do treinador, que deseja contar com um elenco mais forte, capaz de brigar na parte de cima da classificação. E o grande sonho de consumo é o atacante Róger Guedes, de 23 anos, que está no Shandong Luneng, da China.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Embora o jogador também tenha o desejo de retornar à Cidade do Galo, a situação não é tão simples. O clube chinês pagou 9,5 milhões de euros pelo atleta, em julho de 2018 (R$ 40,5 milhões na cotação da época). Para ceder Róger Guedes neste momento, o Shandong deseja receber mais do que pagou e por enquanto não tem interesse em liberá-lo por empréstimo. O que dificulta bastante a negociação.

Róger Guedes e Atlético já estão conversando há bastante tempo. São frequentes as ligações do jogador para dirigentes alvinegros, pedindo para voltar para a Cidade do Galo. Guedes atuou pelo clube no primeiro semestre de 2018, quando disputou 28 partidas e anotou 13 gols. Quando deixou o Atlético, o time estava na vice-liderança do Campeonato Brasileiro e o atacante era o artilheiro da competição, com nove gols.

Leia também:

As conversas se intensificaram nos últimos dias, já que uma das promessas da direção ao técnico Sampaoli é a de que o elenco será reforçado. O nome de Róger Guedes, inclusive, foi uma sugestão do clube e agradou ao treinador. Paulo Pitombeira, agente do atacante, esteve em Belo Horizonte na véspera do clássico com o Cruzeiro e se reuniu com Sérgio Sette Câmara, presidente do Atlético. O empresário é quem tem feito a ponte entre os clubes.

No início do ano, o Galo ofereceu pouco mais de R$ 50 milhões pelo venezuelano Soteldo, que está no Santos. A negociação não avançou, já que o clube paulista rejeitou. Uma operação que seria possível com ajuda de parceiros. Não é diferente no caso de Róger Guedes. A negociação só é possível pelo fato de o Atlético ter empresas que estão dispostas a ajudar.

Veja mais sobre futebol mineiro no Blog de Victor Martins

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também