Atleta supera lesão e cruza linha de chegada, mas é desclassificada por invadir raia vizinha em queda

·1 minuto de leitura
Katarina Johnson-Thompson lesionou-se nos 200m - Foto: Rob Carr/Getty Images
Katarina Johnson-Thompson lesionou-se nos 200m - Foto: Rob Carr/Getty Images

A britânica Katarina Johnson-Thompson emocionou na disputa dos 200m do heptatlo na Olimpíada de Tóquio. Nesta quarta-feira, ela lesionou-se durante a prova e superou o problema físico para cruzar a linha de chegada. O resultado, porém, foi desconsiderado após ela ser desclassificada.

Pouco após a largada, a britânica caiu sentindo fortes dores na perna direita e ficou um tempo no chão. A organização colocou à sua disposição três funcionários da equipe médica, inclusive com uma cadeira de rodas.

Leia também:

Mesmo claramente debilitada e sem conseguir apoiar o pé direito no chão, Johnson-Thompson superou a dor e, vagarosamente, conseguiu cruzar a linha de chegada e terminar a prova.

O problema é que a britânica invadiu a pista do lado ao cair deitada. Seu corpo atravessou a linha que delimita sua raia, o que foi percebido pela organização e resultou na desclassificação de Johnson-Thompson.

Ainda não se sabe a gravidade da lesão da britânica, que chegou a Tóquio oito meses após ser submetida a uma importante cirurgia no tendão de Aquiles.

A tendência é que ela não tenha condições de disputar as últimas três provas da modalidade: salto em distância, lançamento de dardo e 800m, nesta quinta-feira (horário de Tóquio).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos