Atlético-PR leva dois gols no fim e cede empate à U. Católica

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Atlético-PR esteve perto de estrear com o pé direito na fase de grupos da Copa Libertadores, mas sofreu um gol no fim e apenas empatou por 2 a 2 com a Universidad Católica, do Chile, nesta terça-feira (7). A equipe comandada por Paulo Autuori vencia até os 42min do segundo tempo, quando os visitantes encontraram dois gols e garantiram a igualdade na Arena da Baixada.

Agora, o Atlético-PR volta sua atenção para o Campeonato Paranaense, onde tem utilizado apenas os reservas. A próxima partida, válida pela sétima rodada, é contra o Londrina, domingo (12), às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada. Já pela Libertadores, o clube brasileiro visita o San Lorenzo na quarta-feira da semana que vem (15), às 19h30.

Assim como na última partida antes de entrar na fase de grupos, Lucho González apareceu muito bem para o Atlético-PR. Desta vez, não precisou nem de cinco minutos de jogo para balançar as redes da Arena da Baixada. Aos 4min do primeiro tempo, Jonathan avançou pela direita e cruzou nos pés do meio-campista argentino, que bateu de primeira para vencer o goleiro Toselli.

Ao contrário do que normalmente acontece, o Atlético-PR não recuou após abrir o placar. Mesmo com vantagem no placar, a equipe manteve a posse de bola e jogou para cima dos chilenos até metade da etapa inicial. Na segunda parte, deixou os rivais arriscarem mais para apostar no contra-ataque. Apesar de não tomar sustos, também não foi efetivo no ataque, já que desperdiçou boas jogadas com Nikão e Carlos Alberto.

Atrás do placar, a Universidad Católica voltou disposta a pressionar a equipe brasileira. E conseguiu. Com três minutos, os chilenos tiveram duas chances de gol. Aos 2min, Fuenzalida obrigou uma boa defesa de Weverton. Um minuto depois, Kalinski completou um cruzamento de primeira –nas costas de Thiago Heleno– mas mandou para fora.

Quando a partida parecia se encaminhar para um sofrimento ao torcedor atleticano, Nikão apareceu. Aos 30min, Matheus Rosseto, que entrou no lugar de Lucho González, acertou um lindo passe de calcanhar para o atacante, que cortou para a perna esquerda e, de fora da área, acertou no ângulo do goleiro.

Nos minutos finais, o time chileno mudou o desfecho da partida. Aos 40min, Llanos fez de cabeça e diminuiu a diferença. Dois minutos depois, Noir empatou.

ATLÉTICO-PR

Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidicley; Otávio (Wanderson), Lucho González (Matheus Rossetto), Carlos Alberto (Douglas Coutinho) e Felipe Gedoz; Nikão e Pablo

T.: Paulo Autuori

UNIVERSIDAD CATÓLICA

Toselli; Juan Espinoza (Llanos), Lanaro, Maripán e Parot; Fuentes (Cordero), Kalinski, Noir e Buonanotte; Fuenzalida e Santiago Silva (Roberto Gutiérrez)

T.: Mario Salas

Estádio: Arena da Baixada, em Curitiba

Árbitro: Ulisses Mereles (PAR)

Cartões amarelos: Kalinski e Maripán (U)

Gols: Lucho González (A), aos 4min do 1º tempo; Nikão (A), aos 30min do 2º tempo; Llanos (U), aos 40min do 2º tempo; Noir (U), aos 42min do 2º tempo