Atlético Nacional quebra 'hegemonia europeia' no IFFHS, e Galo é melhor do país

RADAR / LANCE!

Nem mesmo a supremacia europeia foi suficiente para tirar o Atlético Nacional de evidência no cenário mundial. O clube colombiano não só foi intruso em meio aos europeus do ranking divulgado pela Federação Internacional de História e Estatística do Futebol (IFFHS), como também assumiu o topo do levantamento.

O feito dos campeões da Copa Libertadores e vice-campeões da Copa Sul-Americana ainda tornou-se histórico: depois de 25 anos, o IFFHS não contará com um clube europeu na liderança. Os colombianos, que deixaram para trás os galácticos como Real Madrid, Barcelona, PSG e Manchester United, veem o outro mais bem colocado representante da América Sul aparecer apenas ao longe do seu retrovisor: trata-se do Atlético-MG, que está em décimo-terceiro lugar e é o melhor brasileiro no ranking.

Além do Galo, o TOP-400 traz outros clubes brasileiros como destaque: Grêmio, São Paulo, Corinthians, Palmeiras e a surpreendente Chapecoense, que está igualada em número de pontos com o Flamengo. O LANCE! traz os clubes que aparecem em maior destaque, tanto no Brasil quanto no mundo.



E MAIS: