Atlético-GO não é o único. Veja quem o Santos ainda não venceu no BR-20

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·2 minuto de leitura


O Santos está mais longe de uma vaga na edição 2021 da Libertadores da América após o empate da noite de sábado, em Goiânia, contra o Atlético-GO. Boa parte dessa distância, inclusive, se deve ao fato de o time da Vila Belmiro simplesmente não ter conseguido vencer alguns de seus adversários em nenhum dos dois turnos do Brasileirão.


O Atlético-GO é justamente um deles. Depois de perder por 1 a 0 para o time goiano em casa, no 1º turno (a primeira derrota da história para o rival atuando na Vila Belmiro), o Santos somou somente um ponto no jogo da volta. Com isso, deixou para trás outros cinco, que certamente o colocariam em uma posição melhor na luta por uma vaga no torneio continental.


O problema é que o Atlético-GO foi apenas um dos times que o Santos não conseguiu vencer. Além do Dragão, há outros sete rivais que não foram derrotados pelo Alvinegro no atual Campeonato Brasileiro – dois deles ainda pelo caminho nos quatro confrontos restantes até o término da temporada.

Confira a tabela e simule os próximos jogos do Campeonato Brasileiro

O Santos passou em branco contra o Bragantino, rival da estreia na competição, tanto no primeiro quanto no segundo turno (dois empates por 1 a 1). Nos duelos contra o Palmeiras, para quem perdeu o título da Libertadores, também não houve sucesso: derrota por 2 a 1 no primeiro turno e empate por 2 a 2 no segundo.

O retrospecto contra cariocas também é ruim. O Santos foi derrotado duas vezes pelo Flamengo, a segunda por goleada (1 a 0 e 4 a 1) e também passou em branco contra o Vasco – 2 a 2 no primeiro turno e derrota por 1 a 0 na segunda metade do Brasileirão. O Botafogo foi o único rival batido pelo Santos, mas somente no segundo turno. No primeiro, houve empate sem gols.

Rodadas finais

Dos quatro rivais que ainda tem pela frente, o Santos venceu apenas dois: fez 2 a 1 no Coritiba, próximo adversário da equipe, e 3 a 1 no Bahia, último adversário do Peixe na temporada. Diante do Corinthians, rival da quarta, 17 de fevereiro, ficou no empate por 1 a 1 e contra o Fluminense, rival da penúltima rodada, amargou uma derrota por 3 a 1.

Se quiser manter o sonho de chegar ao menos na fase preliminar da Libertadores, esse será mais um, entre os inúmeros desafios, que o técnico Cuca terá que deixar para trás até o fim do Brasileirão.