Atlético-MG projeta ida às oitavas da Libertadores com boa campanha

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - A duas rodadas do fim da fase de grupos da Libertadores, o Atlético-MG projeta resultados além da classificação às oitavas.

Pelo regulamento da competição, embora os confrontos do mata-mata sejam definidos por sorteio, a equipe com melhor campanha tem o direito de fazer o segundo jogo em casa. E é isso que o Atlético busca. Além de se classificar, o time mineiro quer decidir sempre diante de sua torcida nas próximas fases.

"O primeiro objetivo é a classificação e a gente já pode assegurar a classificação nesse jogo. Evidentemente, que se você faz 13 pontos, aumenta as chances de decidir em casa. Hoje não temos a condição de terminar com a melhor campanha, mas com 13 pontos podemos terminar entre os oito primeiros. Isso nos dá a chance de decidir em casa nas fases seguintes. Então é importante o maior número de pontos, para ter essa vantagem de decidir jogos em Belo Horizonte", explicou o goleiro Victor.

Embora esteja na segunda colocação do grupo 6, com sete pontos, o Atlético depende apenas de seus próprios resultados para se classificar como líder da chave. Nesta quarta (3), o time comando por Roger Machado enfrenta o Sport Boys (BOL), às 19h30 (horário de Brasília), no Estádio Ramón Tahuichi Aguilera, em Santa Cruz de la Sierra.

"Nós temos que ir para campo com a ideia de vencer. A postura tem que ser essa, marca firme o adversário e explorar o que temos de melhor, em termos técnico e de velocidade. É jogar para buscar a vitória", completou Victor.

Para se classificar já nesta partida, o Atlético precisa, além de vencer, contar com um tropeço do Libertad (PAR). A equipe paraguaia joga contra o Godoy Cruz (ARG), nesta quinta-feira (4), às 21h, na Argentina. O Atlético encerra a participação na fase de grupos no dia 16 deste mês, às 21h, contra o time argentino, em Belo Horizonte. A partida ainda não tem local confirmado pela diretoria atleticana, mas deve ser disputada no Independência.