Atlético-MG goleia o Patrocinense no Mineirão e garante a vaga nas semifinais do Campeonato Mineiro

Valinor Conteúdo
LANCE!


Sem sustos, o Atlético-MG goleou o Patrocinense por 4 a 0 e se garantiu nas semifinais do Campeonato Mineiro. Os gols foram marcados por Nathan, Guilherme Arana, Savarino e Pedro Rosa, contra. Com o resultado, o alvinegro ficou na terceira colocação com 22 ´pontos e terá na fase seguinte outros clássicos contra o América-MG, que terminou a fase de classificação na segunda posição, com 25 pontos, um a menos do que a melhor equipe do campeonato até aqui: o Tombense, com 26 pontos.

O Galo fez um jogo seguro, sem sustos, mesmo tendo o equatoriano Alan Franco expulso. Nesta jornada do Atlético, Jorge Sampaoli experimentou mais e fez cinco alterações no time, algo que não ocorreu no clássico contra o América, empate por 1 a 1.

O time de Sampaoli fez o jogo em ritmo de treino, já que o rival havia remontado seu time com menos de 20 dias para os dois jogos finais da competição estadual. O resultado foi justo e ainda ao treinador a chance de ver em ação mais jogadores.

O time de Patrocínio ficou na oitava colocação e disputará o Troféu Inconfidência, entre equipes da sexta até a 10ª colocação do campeonato. A permanência na primeira divisão pode ser comemorada pelo Patrocinense, pois foi o primeiro time a desmontar seu elenco no início da pandemia do coronavírus, e ainda assim, conseguiu se manter na elite mineira para 2021.






Atlético-MG e América-MG se enfrentam já no fim de semana, domingo, 2 de agosto, para a partida de ida das semifinais do Campeonato Mineiro. O Coelho jogará a decisão por dois resultados iguais por ter melhor campanha do que o alvinegro.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 4 x 0 PATROCINENSE
Data-hora: 29 de julho de 2020, às 21h30(De Brasília)
Estádio: Mineirão, Belo Horizonte(MG)
Árbitro: Paulo César Zanovelli da Silva
Assistentes: Pablo Almeida Costa e Magno Arantes Lima
Cartões amarelos: Léo Sena(ATL), Nilo, Thiago Lima(PAT)
Cartões vermelhos: Alan Franco(ATL)

Gols: Nathan, aos 9’-1ºT(1-0, Guilherme Arana, aos 13’-1ºT(2-0), Savarino, aos 15’-1ºT(3-0) e Pedro Rosa(contra), aos 30’-1ºT-(4-0)

Atlético-MG: Rafael; Guga, Junior Alonso, Réver e Guilherme Arana; Allan(Jair, intervalo), Nathan e Hyoran(Alan Franco-intervalo); Savarino(Marquinhos-intervalo), Keno(Otero, aos 13’-2ºT) e Marrony(Léo Sena, aos 21’-2ºT). Técnico: Jorge Sampaoli

Patrocinense: Thiago Passos, Emerson(Euller, aos 30’-2ºT),Fernando Teixeira, Nilo,Pedro Rosa(Igor Pereira, aos 37’-1ºT), Wisley, Thiago Lima(Marcelinho Araxá, aos 20’-2ºT), Magalhães, Danielzinho(Allan Patrick, aos 36’-1ºT), Rafael Gladiador, Victor Rafael(Henrique aos 31’-2ºT10) e Henrique Técnico: Milagres

















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também