Atlético-MG fará 'quarentena' nas contratações, mas continua de olho no mercado para atender Sampaoli

Valinor Conteúdo
LANCE!


O ambicioso projeto do Atlético-MG para voltar a ser protagonista no cenário nacional, tem Jorge Sampaoli como o capitão do barco alvinegro. Todavia, o treinador argentino quer reforçar o elenco. O presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara, e o diretor de futebol, Alexandre Mattos, estão empenhados em atender o técnico em seus desejos, mas durante esta pausa forçada pela pandemia de coronavírus no mundo, o alvinegro terá parcimônia e ficará em “quarentena” na busca por novos atletas.

-Neste momento nós paralisamos essa possibilidade de contratação. Se eu contrato um jogador agora, a única coisa que vamos fazer é engordar nossa folha de pagamento, não tem sentido eu contratar um jogador agora, fazendo um desembolso elevado para trazer esse atleta para cá e ainda colocar na folha de pagamento sem jogos, então você não tem um retorno. Como o quadro é de indefinição, nós temos que aguardar para dar uma clareada nisso tudo- disse Sette Câmara.


Apesar da paralisação, Sette Câmara afirmou que não irá deixar de observar e tentar atender os pedidos de Sampaoli. Mas, irá esperar o retorno das atividades do futebol brasileiro.

-O Atlético vai ao mercado no momento certo para poder buscar aquelas peças que foram pedidas pelo Sampaoli. Não faz sentido ir atrás dessas peças neste momento, sem definição do que vai acontecer, porque seria contratar jogador apenas para ficar recebendo por dois, três meses. O Alexandre Mattos está trabalhando para trazer alguns reforços. O momento vai ser próximo do retorno dos campeonatos. A gente acredita que, dentro desse bom senso, que haja uma intertemporada, porque os jogadores estão fora de forma. Vamos ter que ter, no mínimo, duas ou três semanas. Quando enxergarmos uma luz no fim do túnel, nós vamos de uma forma mais agressiva ao mercado para fazer as contratações que foram pedidas pelo Sampaoli- explicou.

O treinador argentino quer um zagueiro, um volante e um atacante para compor grupo dentro do que Sampaoli crê como ideal para conduzir o seu trabalho no Galo. Outra possível contratação poderá ser um goleiro nos moldes que o argentino gosta: com habilidade nos pés.





Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também