Atlético-MG empata com La Guaira (1-1) em sua estreia na Libertadores

·3 minuto de leitura
Arles Flores (dir.), do Deportivo La Guaira, e Ignacio Fernández, do Atlético Mineiro, disputam a bola durante o jogo da Libertadores, em Caracas, no dia 21 de abril de 2021

O Atlético Mineiro estreou com um empate em 1 a 1 nesta quarta-feira em sua visita ao Deportivo La Guaira, da Venezuela, na partida do Grupo H da Copa Libertadores-2021.

O Galo empatou no segundo tempo, aos 65 minutos, com um gol do meia argentino Matías Zaracho, que começou no banco de reservas no Estádio Olímpico da Universidad Central da Venezuela, em Caracas, e aproveitou um rebote do goleiro Carlos Olses para marcar.

Em grande jogada individual em que se livrou de vários marcadores do Atlético, o zagueiro Adrián Martínez havia aberto o placar na primeira etapa (20) da partida de abertura do grupo que inclui também o paraguaio Cerro Porteño e o colombiano América de Cali.

A equipe comandada por Cuca pressionou o La Guaira, atual campeão venezuelano, mas não conseguiu a virada e o goleiro Everson levou até alguns sustos na reta final.

O técnico brasileiro cumpriu a primeira de duas partidas de suspensão impostas após a expulsão na última final da Libertadores entre o Palmeiras e seu clube na época, o Santos. Seu auxiliar e irmão, Avlamir Stival, o Cuquinha, o substituiu na beira do campo.

- Golaço e surpresa -

O Atlético Mineiro teve dificuldades para encontrar uma brecha na linha de cinco homens da defesa do Deportivo La Guaira, que esperava pelo adversário e explorava os espaços que o Galo deixava na hora de subir para o ataque.

O time mineiro tinha a posse de bola, mas as primeiras chances foram do La Guaira.

O lateral-esquerdo do time laranja, Yohan Cumana, aos 20 minutos, deu um chute que obrigou o goleiro Everson a mostrar serviço.

E aos 21, veio a surpresa.

Adrián Martínez, como se fosse um camisa 10 e não um zagueiro central, cortou no meio do campo e avançou com a bola em direção à área, abrindo caminho entre dois marcadores. Na saída de um terceiro defensor, ele chutou para abrir o placar.

Os visitantes melhoraram com o passar do tempo e começou a pressionar cada vez mais perto da meta venzuelana.

Uma cabeçada do chileno Eduardo Vargas, aos 32, foi defendida pelo goleiro Olses.

E então, tentando romper a defesa dos venezuelanos, o Galo passou a apostar em chutes de meia distância.

Aos 36 minutos Tche Tche arriscou e aos 42 foi a vez de Vargas.

- Zaracho empata -

Hulk e Matías Zaracho foram as primeiras alternativas do Atlético do banco de reservas e ajudaram a aumentar a pressão do time mineiro.

Assim que o segundo tempo começou, Hulk cobrou uma falta que passou a centímetros da trave esquerda de Olses.

E foi um dos chutes de longa distância que empatou a partida.

Desta vez Guilherme Arana tentou. Olses, que estava muito confiante, afastou mas Zaracho, livre, aproveitou o rebote e não perdeu a oportunidade de empatar.

Os brasileiros continuaram atacando, embora Darwin González, aos 72 e 82, também tenha assustado e obrigou Everson a se esticar.

Após este empate na estreia, o Atlético Mineiro vai receber o América de Cali na próxima terça-feira e um dia depois o La Guaira visita o Cerro Porteño.

erc/cl/aam