Atlético-MG embala no segundo tempo e vence Libertad em casa

Em jogo truncado e difícil, o Atlético-MG venceu o Libertad, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no Independência, em duelo válido pela quarta rodada do grupo 6 da Libertadores. O resultado deixa o Galo na liderança da chave, com sete pontos, ao lado do Godoy Cruz-ARG, mas melhor no saldo de gols.

A partida foi muito difícil para os comandados de Roger Machado. No primeiro tempo, o Galo esbarrou em um adversário que se defendeu mais do que atacou, o que atrapalhou o andamento geral da partida. Na etapa complementar, no entanto, o Atlético conseguiu deslanchar e fez os gols para voltar à ponta do grupo.

O Galo volta a campo na próxima quarta-feira, contra o Sport Boys, fora de casa, na Bolívia. Já o Libertad, que tem quatro pontos, encontra o Godoy Cruz, na quinta, também longe de seus domínios.

Primeiro tempo

O Atlético-MG iniciou a partida dominando o jogo. As duas primeiras oportunidades foram dos mandantes. A partir dos 10 minutos, no entanto, o Libertad passou a ter mais tranquilidade no jogo, com o Galo menos presente no ataque.

O Libertad, no entanto, apenas ensaiou uma reação. Minutos depois, o Galo passou a tomar conta da partida novamente. O goleiro Victor pouco era acionado, enquanto, por outro lado, o time de Roger fazia muita pressão, marcava a saída e espremia o Libertad em seu campo de defesa.

O Galo, porém, encontrava dificuldades. O Libertad jogava em um esquema de se defender com cinco atletas na primeira linha e outros quatro na segunda. Isso atrapalhava as chegadas pelo meio e pelas pontas, e deixava o atacante Fred escondido no meio dos zagueiros.

Segundo tempo

A etapa complementar reservou bastante emoção para o torcedor atleticano. O Galo trocava passes, mas não encontrava os espaços. O Libertad se defendia muito e atrapalhava a vida atleticana.

Querendo achar uma alternativa, Roger Machado colocou Rafael Moura em campo. Mas isso, por outro lado, abriu espaço na defesa dos mandantes, já que Otero, que deixou o gramado, fazia boa recomposição. A partir deste momento, o Atlético passou a sofrer grande pressão e só não levou o gol porque Victor salvou em duas oportunidades.

O gol do Galo chegou aos 26. O Galo, que passou a se preocupar mais com a defesa, fez boa troca de passes entre seu trio ofensivo e a bola parou nos pés de Robinho. O camisa 7 colocou no canto e abriu o marcador.

No finalzinho, já com Cazares em campo, o Galo aproveitou que o Libertad se jogou para o ataque e conseguiu o segundo gol. Fred recebeu a bola na frente, cruzou e Rafael Moura tentou aproveitar. A bola, entretanto, sobrou para o equatoriano, que empurrou de bico para o fundo das redes.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 2 X 0 LIBERTAD

Local: Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)

Data: 26 de abril de 2017, quarta-feira

Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Wilson Lamouroux (Colômbia)

Assistentes: Eduardo Díaz (Colômbia) e John Alexander Leon (Colômbia)

Cartões Amarelos: Aquino, Muñoz (Libertad); Rafael Carioca, Fred (Atlético-MG)

Gols: ATLÉTICO-MG: Robinho, aos 26, e Cazares, aos 43, minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-MG: Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel, Fábio Santos, Rafael Carioca, Elias, Maicosuel (Adilson), Robinho (Cazares), Otero (Rafael Moura) e Fred.

Técnico: Roger Machado.

LIBERTAD: Rodrigo Muñoz, Alan Benítez, Luis Cardozo, Antolín Alcaraz, Candia, Giménez (Bareiro), Lucena, Aquino, Ramírez Cañete, Medina e Salcedo.

Técnico: Fernando Carmona