Athletico Paranaense demite Fábio Carille após goleada sofrida na Libertadores

Albari Rosa

O Athletico Paranaense demitiu nesta quarta-feira o treinador Fábio Carille, contratado há 21 dias, depois da derrota por 5 a 0 para o The Stronges da Bolívia pela Copa Libertadores da América.

O treinador, de 48 anos, e sua comissão técnica se desligaram do clube, que agradeceu em um comunicado pelos "serviços prestados" e desejou "sucesso em suas carreiras".

"Saio triste por não ter este tempo para colocar o nosso trabalho em prática, mas de cabeça erguida por trabalhar ao máximo", escreveu Carille em sua conta no Instagram, onde se declarou "surpreendido" pela decisão da diretoria.

Campeão brasileiro com o Corinthians em 2017, o treinador foi contratado pelo Athletico no dia 13 de abril para o lugar de Alberto Valentim, que ganhou a Copa Sul-Americana no ano passado com o 'Furacão'.

Desde então, Carille comandou o time em sete jogos, entre Libertadores, Brasileirão e Copa do Brasil, com um saldo de três vitórias e quatro derrotas.

A última delas foi a goleada de ontem para o The Strongest, em La Paz, que deixou o time brasileiro na última colocação do Grupo B da Libertadores.

raa/app/ol/cb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos