Athletico derrota o Fortaleza em casa e assume a liderança do Brasileirão

·2 minuto de leitura


Na Arena da Baixada, o Athletico fez uma etapa inicial fulminante e derrotou o Fortaleza por 2 a 1 neste sábado (03), pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. O placar deixa o Furacão na liderança do Brasileirão, com 19 pontos - para fechar o fim de semana nessa condição, terá de torcer para o Bragantino não derrotar o São Paulo neste domigo, no Morumbi. Já o Leão é o 4º, com 15 pontos.

CALENDÁRIO

Na próxima rodada, o Athletico mede forças contra o Santos, na Vila Belmiro, às 19h30 da próxima terça-feira. O Fortaleza recebe o América-MG, na Arena Castelão, na quarta, às 18h.

FURACÃO ROLO COMPRESSOR

O Fortaleza ainda se ambientava com a partida quando o Athletico abriu o placar. Vitinho cruzou, Terans fez linda jogada para tirar o zagueiro e deslocar Felipe Alves. Pouco depois, Thiago Heleno cabeceou, o goleiro deu rebote e Vitinho bateu forte. Matheus Babi desviou e a bola morreu no fundo da rede, 2 a 0.

PODERIA VIR MAIS

Sem tirar o pé do acelerador, o Athletico pressionava e quase ampliou com Nikão. No chute de fora da área, Felipe Alves desviou, a bola pegou no travessão e pingou em cima da linha. Matheus Babi também teve a sua chance, mas o chute da grande área parou nas luvas do goleiro.

FORTALEZA BUSCA REAÇÃO

A postura do Fortaleza na etapa final foi diferente. Vojvoda colocou a sua equipe no ataque e o Leão até criou uma fumaça em cima do Furacão. Na primeira, Tinga tentou de bicicleta e mandou para fora. Pouco depois, Matheus Vargas bateu forte da entrada da área e a bola passou rente ao travessão.

GOL NO FIM

Em meio ao esforço do Fortaleza, o time de Vojvoda conseguiu descontar nos minutos finais através de Igor Torres, que na confusão dentro da grande área, mandou para dentro da rede, 2 a 1.

ATHLETICO 2 X 1 FORTALEZA
Local:
Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data-Hora: 3/7/2021 – 19h
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli (MG)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (MG) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG)
VAR: Celso Luiz da Silva (MG)
Público/renda: pagantes/R$
Cartões amarelos:
Vitinho (CAP), Ronald, Robson (FOR)
Cartões vermelhos: –
Gols:
Terans (1’/1ºT) (1-0), Matheus Babi (8’/1ºT) )2-0) e Torres (40'/2ºT) (2-1)

ATHLETICO: Santos; Marcinho, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Richard, Christian (Zé Ivaldo, aos 42/2ºT), Terans, Nikão (Léo Cittadini, aos 31/2ºT) e Vitinho (Carlos Eduardo, aos 35/2ºT); Matheus Babi. Técnico: Antônio Oliveira.

FORTALEZA: Felipe Alves; Tinga, Marcelo Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Ronald (Éderson, ao 0/2ºT), Felipe (Luiz Henrique, aos 12/2ºT), Matheus Vargas (Romarinho, aos 32/2ºT) e Lucas Crispim; Osvaldo (David, aos 12/2ºT) e Robson (Igor Torres, aos 23/2ºT). Técnico: Pablo Vojvoda.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos