Athletic Bilbao x Atlético de Madrid: a maior rivalidade entre clubes irmãos em La Liga

LANCE!
·3 minuto de leitura


Athletic Club e Atlético de Madrid têm mais um encontro marcado no Wanda Metropolitano, no início da tarde deste sábado (09), às 12h15 (de Brasília), em duelo válido pela 18ª rodada da LaLiga Santander 2020/2021 - e que reúne dois clubes cujas histórias foram entrelaçadas desde o início.

Afinal, vale lembrar que o Atlético de Madrid foi fundado em abril de 1903 como "Athletic Club de Madrid", com os fundadores sendo torcedores bascos do Athletic Club de Bilbao que estudavam na capital espanhola e queriam manter a conexão com sua equipe.

+ VEJA A TABELA DE CLASSIFICAÇÃO DE LA LIGA

Com o então Athletic Club de Madrid passando a utilizar as mesmas cores de seu “clube formador”, que havia sido fundado cinco anos antes - com as camisas quadriculadas azuis e brancas, antes de mudarem para as listras vermelhas e brancas atuais em 1911, depois de receberem um conjunto uniformes feitos originalmente para o clube inglês Southampton.

Os dois ‘Atletis’, inclusive, foram tão próximos nos primeiros anos que não tiveram permissão para se encontrar em competições oficiais. Eles até compartilhavam jogadores às vezes; o atacante Manuel Garnica Serrano, do time de Madri, foi "emprestado" aos bascos na final da Copa do Rei de 1911, onde marcou até um gol contra o CD Espanyol de Barcelona.

+ Lucas Veríssimo no Benfica! Relembre 15 vendas relevantes de clubes brasileiros nos últimos anos

À medida que o futebol espanhol se tornava mais formalizado e profissional, os dois clubes acabaram se separando. Em 1921, a equipe de Bilbao foi coroada campeã nacional após uma vitória por 4 a 1 sobre os 'irmãos' de Madri, em San Mames. A plena autonomia foi bem estabelecida quando ambos se tornaram membros fundadores da LaLiga em 1928/1929. O primeiro encontro na elite espanhola ocorreu em 7 de abril de 1929, no Estádio Metropolitano, em Madri, com os visitantes vencendo por 3 a 2.

Os jogos entre os dois costumam ser ferozmente contestados ao longo das décadas, já que a rivalidade entre irmãos também pode esquentar às vezes - um famoso empate por 6-6 na LaLiga, em janeiro de 1950, viu Larbi Benbarek, nascido no Marrocos, entre os artilheiros do Atlético. A vitória do Athletic por 4-1 em San Mames, com 10 homens em outubro de 1982, foi muito importante para a conquista do título da LaLiga naquela temporada. Enquanto que um triunfo por 2-1 em San Mames, em abril de 2014, foi reconhecido pelo atual técnico do Atlético, Diego Simeone (foto), como o momento em que ele sabia que sua equipe realmente tinha o que era necessário para conquistar a LaLiga.

Atlético de Madrid x Athletic Bilbao 2011/2012
Atlético de Madrid x Athletic Bilbao 2011/2012

Times decidiram a Europa League, em 2011/2012 (Foto: Reprodução)

Também houve encontros famosos em outras competições. A final da Copa do Rei de 1956, por exemplo, viu o Athletic vencer por 2-1 em Madri. Já a grande decisão da Liga Europa de 2011/2012 - sendo esse o único embate entre eles na história por competições da UEFA -, viu os Colchoneros comemorarem, faturando a taça ao vencer por 3-0.

As conexões entre as equipes continuam até hoje. O diretor esportivo do Athletic, Jose Maria Amorrortu, foi diretor das categorias de base no Atlético entre 2006 e 2011, trabalhando com as atuais estrelas da equipe, incluindo Koke, Lucas Hernandez e Saul Ñiguez antes de se mudar para o norte - ajudando a desenvolver talentos bascos locais, como Iñaki Williams e Iker Muniain.

Outra curiosidade fica por conta do atual jogador do Athletic, Raul Garcia, que além de já ter feito 216 aparições na LaLiga pelo Atlético de Madrid entre 2007 e 2015. O gol do meia nascido em Pamplona, no empate em 1-1 em San Mames algumas temporadas atrás, significa que ele é um dos poucos que já balançou as redes para os dois lados no clássico.

A rivalidade entre irmãos, agora, ganha um novo capítulo no início da tarde deste sábado (09), no moderníssimo Wanda Metropolitano, quando o Atlético de Simeone viajará para o norte para enfrentar o Athletic de Marcelino García Toral - que assumiu o comando do clube basco após a demissão de Gaizka Garitano - na LaLiga Santander. Torcedores e jogadores de ambos os lados certamente aproveitarão a ocasião, embora os embates no passado contem pouco, com três pontos em jogo.