Atenção no rival e em si: Vasco tenta confirmar vaga contra o Caracas

Felippe Rocha
·2 minuto de leitura


O Vasco enfrenta o Caracas, nesta quarta-feira, com uma missão, em tese, simples: voltar da Venezuela com a classificação às oitavas de final após vencer o primeiro jogo por 1 a 0. O desafio pode culminar numa virada de rumo na temporada, porém exige atenção do Cruz-Maltino.

Primeiro, e mais óbvio, porque a vitória no primeiro jogo se deu pela vantagem mínima. Também natural é que o time venezuelano - eliminado da Copa Libertadores deste ano no saldo de gols - seja mais eficiente em casa.

- Vai ser um jogo duro. Já conhecemos um pouco os adversários, pois tivemos uma partida difícil contra eles na última quarta-feira. Se eu não estou enganado, o Caracas vai contar com alguns titulares nesse próximo jogo, então será uma partida muito disputada. Apesar disso, estamos confiantes e acreditamos que iremos levar a classificação para o Rio de Janeiro - afirmou o zagueiro Leandro Castan ao site oficial do Cruz-Maltino.

Fatos recentes também chamam atenção no time de Ricardo Sá Pinto: a pouca resistência física mostrada no último jogo - pelo Campeonato Brasileiro, contra o Goiás -; a preocupação com a recuperação de Talles Magno, que sofreu um trauma na bacia no mesmo jogo; o retorno de Guilherme Parede ao Talleres, pois embora criticado, foi ele o substituto quando Talles deixou o campo; e ainda tem a ausência de Léo Matos. O autor do gol vascaíno no último jogo, e logo quando estreava, chegou ao clube após o período de inscrição na competição.

- Meus companheiros estão preparados para essa partida tão importante. É um jogo decisivo para nós pois envolve muitas coisas. Passar de fase na Sul-Americana é muito importante para o clube a nível de status, a nível financeiro, além de gerar confiança para os outros campeonatos que temos pela frente - afirmou. E concluiu:

- Vou estar de casa torcendo muito e passando energia positiva para o time. Que venha classificação para que eu possa ser inscrito na próxima fase - desejou, em declaração também ao site do Vasco.