Ataque do Inter vive período de seca; confira

·1 minuto de leitura


O ano do Internacional começou de maneira promissora. Com a chegada de Miguel Ángel Ramírez, o Colorado emplacou vitórias e deu sinais que 2021 seria bem diferente.

Porém, poucos meses depois, a realidade é assustadora, principalmente para os jogadores do sistema ofensivo do clube vermelho de Porto Alegre.

Nas últimas quatro partidas, nenhum atacante balançou a rede e o time, que antes tinha Ramírez e agora conta com Osmar Loss, sentiu o baque.

A última vez que um atacante balançou a rede foi no dia 3 de junho, quando o Inter bateu o Vitória por 1 a 0 e Thiago Galhardo anotou.

Desde então, nos três gols marcados contra Fortaleza, Vitória e Bahia, apenas atletas do meio-campo balançaram a rede.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos