Atacante do Juventude questiona gol anulado pelo árbitro

·1 minuto de leitura


A quarta-feira será amarga para o torcedor do Juventude. No Alfredo Jaconi, o time gaúcho foi superado pelo Palmeiras e continua sem vencer em sua volta à elite do futebol brasileiro.

Na saída do gramado, o atacante Matheus Peixoto falou sobre o gol anulado, quando o placar estava 2 a 0 para o adversário. Na sua visão, a decisão do árbitro Marilson Alves Silva interferiu na reação do time.

'Difícil pelo resultado, queríamos vencer em casa. Sabíamos que seria difícil, tivemos um gol legal anulado, não houve nenhuma falta, nada do tipo. Um jogo com o VAR todo mundo sabe que tem de esperar, ele apitou antes e não sabia o que explicar. Poderíamos quem sabe empatar na reta final, ficamos tristes com isso que aconteceu, mas vamos focar nos próximos jogos', declarou.

Com apenas dois pontos, o Jaconero volta a campo no fim de semana para encarar o Sport, na Ilha do Retiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos