Atacante ex-Botafogo tem crença em 'algo histórico' diante do Boca Juniors

Futebol Latino
LANCE!
Foto: AFP
Foto: AFP


Numericamente falando, a LDU teve o pior resultado nas quartas de final da Copa Libertadores e, frente ao Boca Juniors em La Bombonera, terá a absolutamente ingrata missão de reverter o quadro em uma "remontada" que pode entrar para a história do futebol continental e até mesmo mundial.

Apesar da ciência das dificuldades, o atacante uruguaio Rodrigo Aguirre fez questão de frisar a imprevisibilidade que o esporte apresenta e acreditando nas possibilidades de mudar radicalmente o panorama.

- A ida foi difícil e aqui (Buenos Aires) vai ser mais difícil. Mas faremos as coisas da melhor maneira, trataremos de causar dano. Temos que fazer o primeiro gol. Isso é futebol e nada está escrito. Machucou a nós todos, ninguém esperava. Mais que o resultado, preocupou o rendimento da equipe. Trataremos de buscar o resultado, buscar algo histórico - pontuou o ex-atacante do Botafogo a rádio equatoriana Área Deportiva FM.




Aguirre agregou que é desnecessário qualquer tipo de apresentação sobre as qualidades do elenco Xeneize, mas frisou que será importante apagar por completo a má impressão deixada pelo confronto da última semana no Casablanca:

- Todos sabem o que é o Boca, o plantel deles, para o que se preparam. Como disse, nós trataremos de mudar a cara e a imagem que deixamos em Quito. Oxalá aconteça o melhor para nós.

Na próxima quarta-feira (28), caso o time do Equador vença por 3 a 0, a partida irá para as penalidades enquanto, para avançar, somente vitórias por quatro gols de vantagem serão suficientes visando a classificação.




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também