Astro da NBA, Kyrie Irving recusa vacina contra Covid-19 por acreditar em suposto plano satânico

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Estrela do Brooklyn Nets, Kyrie Irving faz parte do grupo de jogadores da NBA que ainda não receberam nenhuma dose da vacina contra Covid-19. No caso de Irving, o atleta se recusa a tomar o imunizante. A revista 'Rolling Stones' fez um apanhado sobre os motivos que levaram o astro da NBA a ser antivacina. Entre eles, uma teoria da conspiração.

Kyrie Ivring é vice-presidente do comitê executivo do sindicato dos jogadores. Apesar da grande influência sobre jogadores, o armador começou a seguir e curtir postagens no Instagram sobre 'sociedades secretas' que implantam vacinas em um plano para conectar pessoas negras a um suposto computador mestre. Inclusive, esta campanha de desinformação relacionada ao microchip da farmacêutica Moderna viralizou nos grupos de jogadores da NBA.

Antes, Kyrie já havia deixado claro que era a favor da teoria da Terra plana, uma vez que não existiriam comprovações sobre o formato do planeta.

O astro da liga faz parte dos 50 a 60 atletas da NBA que ainda não se vacinaram contra Covid-19. O cenário é reflexo do panorama social norte-americano. Segundo dados do Controle e Prevenção de Doenças (CPD), somente 55% da população dos Estados Unidos estão vacinados com as duas doses. Vale lembrar da grande disponibilidade de vacinas no país.

Além disso, a média móvel de mortes aumentou consideravelmente. Com 2 mil mortes diárias, o número é o mais alto desde fevereiro e, de acordo com o 'The New York Times', a doença afeta, principalmente, os não-vacinados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos