Assaltantes colocam reféns em capô de caminhonete durante fuga em SC

Os criminosos usaram os reféns de escudo humano (Foto: Reprodução/ NSC TV)
Os criminosos usaram os reféns de escudo humano (Foto: Reprodução/ NSC TV)

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Eles assaltaram duas agências bancárias em Vidal Ramos

  • Um caminhão foi incendiado para impedir perseguição da polícia

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Um grupo criminoso assaltou duas agências bancárias na manhã desta quarta-feira (4) e fez pelo menos seis pessoas reféns no município de Vidal Ramos, em Santa Catarina. Durante a fuga, eles usaram os reféns como escudo humano no capô de uma caminhonete.

A Polícia Militar relata que o crime aconteceu por volta das 11h na cidade que tem pouco mais de 6 mil habitantes. Os ladrões fizeram vários disparos com armas de fogo para assustar os moradores, e chegaram a fazer um escudo humano em frente a um banco e uma cooperativa de crédito para assaltarem os estabelecimentos.

Leia também

O assalto deixou pelo menos dois feridos: o gerente de uma das agências foi atingido no pé por um dos disparos, e um segurança precisou ser socorrido por uma equipe do helicóptero Arcanjo, dos bombeiros.

O helicóptero precisou ser acionado porque, durante a fuga, os assaltantes também incendiaram um caminhão para bloquear uma via e impedir a passagem de viaturas. Assim, a ambulância também não conseguiu chegar à cidade para socorrer as vítimas. Mais tarde, os bombeiros conseguiram controlar as chamas.

Os autores do crime atearam fogo a outro veículo e fugiram na caminhonete com os reféns do lado de fora. Dois ficaram deitados de bruços no capô segurando-se nas janelas do carro, uma pessoa na lateral esquerda e outras três na caçamba.

Os reféns já foram liberados, e até as 13h ninguém havia sido detido.

Leia também