Artur celebra volta ao time da Ponte e confiança de Gilson Kleina

O lateral esquerdo Artur foi titular na partida que garantiu a Ponte Preta na grande final do Campeonato Paulista. Na derrota por 1 a 0 sobre o Palmeiras, o jogador atuou durante os 90 minutos, e retornou em grande estilo ao time titular da Macaca.

O jovem de 22 anos chegou a Ponte no início do ano emprestado pelo Internacional, mas sofreu com lesões no início de sua trajetória no time de Campinas e vestiu a camisa da Macaca em apenas sete partidas. Homem de confiança do técnico Gilson Kleina, Artur celebrou a volta ao time titular.

“Foi um mês difícil, por conta da lesão, mas agradeço o departamento médico, à preparação física, que conseguiu me colocar pronto para esse jogo diante do Palmeiras, que acabaram precisando de mim. Para a mim a importância de estar em uma final pela Ponte Preta é muito grande. Estou muito feliz e particularmente é um momento único. Vico a cada segundo esse momento e espero que possamos fazer um bom jogo me casa e encaminhar para o jogo de volta, lá no estádio do Corinthians”, contou.

O jovem da Macaca falou com carinho do técnico Gilson Kleina. Artur admitiu que o treinador é muito querido pelo elenco, e destacou a “família” que se tornou o elenco do time de Campinas.

“Ele é um cara sincero. Fala o que pensa, compartilha conosco e acolheu a todos. Se ganhar todos ganham e se perder todos perdem. Ele chegou implantando isso e tem sido fundamental. Formou-se uma família e vamos chegar ao nosso objetivo”, disse Artur.

O jogador teve chance de retornar por conta da suspensão do lateral esquerdo Reynaldo, que vinha sendo titular no setor. Confiante para a primeira partida da grande decisão do Estadual, Artur espera contar com a força da torcida. A primeira partida da final do Paulistão acontece neste domingo, contra o Corinthians, no estádio Moisés Lucarelli.

“Essa nossa torcida é apaixonante. No momento em que mais precisamos eles gritam do começo ao fim. Esperamos que seja assim em mais um jogo em casa, porque com a nossa torcida somos muito fortes”, comentou.