Arteta, Torrent e Vilanova: a carreira dos pupilos de Guardiola

Stats Perform News

Que Pep Guardiola é um dos maiores e mais expressivos treinadores de futebol na atualidade quase não há dúvidas. O poder de influência do técnico catalão vai além das quatro linhas e é vital também para outros técnicos e auxiliares. Na carreira de Guardiola, ele contou com pelo menos três auxiliares que ganharam maior destaque e seguiram suas vidas como treinadores. São eles: Tito Vilanova, Domenèc Torrent e Mikel Arteta.

Essa semana foi especialmente movimentada para os dois últimos, já que Torrent foi anunciado como novo treinador do Flamengo e sucessor e Jorge Jesus, e Mikel Arteta conquistou seu primeiro título como técnico de uma equipe principal, após o Arsenal bater o Chelsea na final da FA Cup.

A Goal mostra e relembra os principais pontos das carreiras desses três personagens muito importantes para um dos mais vitoriosos e revolucionários treinadores de todos os tempos.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Tito Vilanova

Former Barcelona coach Tito Vilanova
Former Barcelona coach Tito Vilanova

Tito Vilanova era visto como o sucessor natural de Pep Guardiola no Barcelona. Ele foi auxiliar do treinador catalão durante a vitoriosa e revolucionária passagem de Guardiola pela equipe principal do Barça. Vilanova faleceu em 2014, aos 45 anos, após não resistir a luta contra um câncer descoberto em 2011.

Em 2008 Vilanova foi chamado por Guardiola para compor a comissão técnica daquele time que mudaria muita coisa na história recente do futebol. Em 2011, ele descobriu o câncer na garganta, mas continuou como auxiliar de Pep.

Em 2012, Guardiola comunicou a decisão de deixar o Barça e indicou o auxiliar como seu sucessor. Em junho, Vilanova foi anunciado como novo treinador da equipe culé. 

No Barça ele venceu a La Liga da temporada 2012/13 e deixou o comando do clube no mesmo ano para tratar do câncer.

Em 25 de abril de 2014, Vilanova morreu devido a complicações da doença.

Domènec Torrent

Domenec Torrent
Domenec Torrent
(Foto: Alexander Hassenstein)

Domènec Torrent é o novo treinador do Flamengo e sucessor do português Jorge Jesus no Rubro-Negro. Após uma longa busca da diretoria do Fla na Europa por um treinador que se encaixasse no perfil esperado, Torrent deve chegar ao Brasil e assinar contrato nos próximos dias. 

Chamado para trabalhar como auxiliar de Guardiola também em 2008, no Barcelona, Torrent tinha uma carreira em clubes de menor expressão como o Palafrugell, Palamo e o Girona. A parceria deu certo e Torrent trabalhou com Guardiola de 2008 até 2018, passando por Barça, Bayern de Munique e Manchester City. 

Em 2018, ele expressou o desejo de voltar a ser técnico principal e foi contratado pelo New York City, dos Estados Unidos. Por lá permaneceu até novembro de 2019 e deixou a equipe. 

Agora ele chega para seu primeiro desafio na América do Sul e assumirá o Flamengo, que vem de um memorável trabalho feito por Jorge Jesus.

Mikel Arteta

Mikel Arteta Arsenal
Mikel Arteta Arsenal

O último dos pupilos de Guardiola, Mikel Arteta teve uma importante carreira como jogador, diferentemente de Torrent e Vilanova. Considerado ídolo no Rangers, Everton e, principalmente, no Arsenal, Arteta sempre foi visto como um potencial treinador pela inteligência e liderança dentro de campo. 

Assim que pendurou as chuteiras, em 2016, ele já foi chamado por Guardiola para integrar a comissão técnica do Manchester City e por lá permaneceu até dezembro de 2019, quando foi anunciado que seria o novo treinador do Arsenal para o lugar de Unai Emery.

Nesse sábado (01), Arteta conquistou seu primeiro título de campeão como técnico. O Arsenal venceu o Chelsea por 2 a 1, de virada, na final da Copa da Inglaterra e conquistou o seu 14º título da competição de futebol mais antiga do mundo.

Leia também