Arsenal encara algoz do primeiro turno para tentar sair de crise


Após uma derrota grande para o Manchester City por 3 a 0 fora de casa, o Arsenal irá encarar o Brighton neste sábado, às 11h (horário de Brasília). Além do resultado negativo, o último jogo teve consequências, como as contusões de Pablo Mari, fora da temporada, e Xhaka, que também deve perder o duelo. Com toda a dificuldade, o técnico Arteta terá uma missão difícil mesmo encarando o 15º colocado.

Além dos dois machucados da última quarta-feira, os Gunners ainda não contam com Lucas Torreira, Sokratis e Cedric Soares. O técnico Arteta sabe da dificuldade que irá encontrar do outro lado e lembrou da derrota no primeiro turno por 2 a 1 dentro de casa e elogiou o técnico adversário, Neal Maupay.

- Eu acho que ele (Maupay) mudou completamente o jeito do Brighton jogar. Eles são uma ameaça. Mostraram no Emirates que eles criarão muitos problemas. Temos que estar prontos, pois será um jogo muito difícil.

O Brighton joga em casa, mas luta para se ver distante da zona do rebaixamento, pois o time está apenas dois pontos na frente do Bournemouth. A equipe conta com a instabilidade do rival e a pressão que o Arsenal terá para vencer e irá procurar os espaços para encaixar seu jogo e as bolas paradas para vencer a partida.

Além do Arsenal, o Leicester joga também neste sábado, às 8h30 (horário de Brasília), contra o Watford, fora de casa. Os Foxes tentam se consolidar em 3º lugar nesta reta final do Campeonato Inglês para buscar uma vaga na próxima Liga dos Campeões. Enquanto isso, o Watford luta desesperadamente para se ver longe da zona da degola desde a chegada de Nigel Pearson.









Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também