Arsenal confirma a saída de Willian rumo ao Corinthians

·2 minuto de leitura


É oficial! O meia Willian está de volta ao Corinthians depois de 14 anos. O Timão ainda não comunicou o retorno de forma oficial, porém o Arsenal, clube que o atleta defendia, emitiu uma nota oficial em seu site informando a rescisão contratual de forma mútua e também o destino do atleta rumo ao Parque São Jorge.

>> Baixe o novo app de resultados do L!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

- Ele (Willian) partirá para uma nova oportunidade com o Corinthians, no Brasil, onde iniciou a sua carreira – diz trecho traduzido da nota, que poderá ser lida integralmente no fim da matéria.

O desligamento de Willian na equipe inglesa aconteceu na manhã desta quarta-feira (30), o jogador voltará o Brasil ainda essa semana e a expectativa é que ele assine com o Timão na quarta-feira (1º), para ser a “cereja do bolo” na comemoração do aniversário de 111 anos do clube.

A ideia é que o anúncio do retorno do meia ao Corinthians fizesse parte dos festejos, mas a nota do Arsenal acabou “comprometendo a surpresa”.

Willian chegará ao Timão com um contrato de dois anos e meio, até o fim de 2023. No comunicado, os Gunners desejaram boa sorte ao jogador, bem como através das redes sociais da equipe de Londres.

Confira na íntegra a nota emitida pelo Arsenal:

"Chegamos a um acordo mútuo com o Willian para rescindir o seu contrato a partir de hoje.

O internacional brasileiro veio do Chelsea, juntou-se a nós em agosto passado e fez 37 aparições na campanha 2020/21. Ele tinha mais dois anos de contrato, mas após dicussões positivas e construtivas recentes e a sua equipe, ele partirá para uma nova oportunidades com o Corinthians, no Brasil, onde iniciou a sua carreira.

Todos no Arsenal desejam boa-sorte a Willian e a sua família.

A rescisão do contrato está sujeita à conclusão de processo regulatórios".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos