Arsène Wenger é cotado para comandar a seleção da Suíça

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Arsène Wenger, histórico técnico do Arsenal, é cotado para assumir a seleção da Suíça, segundo o portal "Blick". As informações apontam que o francês iria comandar o país durante as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 nos próximos meses.

Apesar dos 71 anos e de uma relação de longa duração com os Gunners, que terminou em 2018, o treinador francês nunca anunciou uma aposentadoria dos gramados. No entanto, já são três anos sem trabalhar à frente de uma equipe de futebol.

> Veja a tabela da Premier League

Em 1995, o treinador havia sido cotado para assumir a Suíça, mas nunca encontrou um acordo com a Federação. Naquele período, o profissional estava no Nagoya Gampus, do Japão, e no ano seguinte começou a escrever sua história no futebol inglês.

Desde 2019, Wenger ocupa o cargo de Diretor de Desenvolvimento da Fifa. O dirigente tem a função de propor mudanças no futebol para que o esporte se torne mais atrativo. Dentre algumas alternativas, o francês pensa em alterar as regras de lateral e impedimento.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos