Arma do Palmeiras para 2020, Luiz Adriano foi um dos mais letais do Brasileiro quando esteve em campo

André Schmidt
LANCE!
Luiz Adriano é a esperança de gols do Palmeiras para 2020 (Ricardo Moreira/Fotoarena/Lancepress!)
Luiz Adriano é a esperança de gols do Palmeiras para 2020 (Ricardo Moreira/Fotoarena/Lancepress!)


Borja, Deyverson, Arthur Cabral e Luiz Adriano. A posição de centroavante no Palmeiras teve uma alta rotatividade em 2019. O que fez com que a dupla Dudu e Gustavo Scarpa, que atua mais pelos lados do campo, terminasse o ano no topo da artilharia do time com apenas 13 gols marcados cada um.

Para 2020, a esperança de gols atende por um nome em especial: Luiz Adriano. Contratado no fim de julho, o atacante sofreu uma lesão na coxa que o tirou de algumas rodadas do Campeonato Brasileiro. Quando esteve em campo, porém, o jogador foi um dos mais letais da competição, como mostram os números.

Autor de 6 gols em apenas 13 jogos na competição nacional - marcou uma vez também na Libertadores -, o centroavante teve a 6ª melhor média de bolas na rede por minutos em campo - mínimo de 5 gols no campeonato -, precisando de apenas 150 para anotar cada tento. Luiz ficou atrás apenas de Gabigol, Reinier, Bruno Henrique e Arrascaeta, todos do Flamengo, e de Pedro, ex-Fluminense e que atualmente defende a Fiorentina, da Itália.



No quesito finalizações necessárias para marcar um gol, Luiz Adriano teve um desempenho ainda melhor. Com uma média de um tento a cada 2,17 conclusões, o jogador liderou a estatística no Brasileirão entre os que marcaram ao menos cinco vezes, superando inclusive os rubro-negros.

Um sinal de que, bem fisicamente, o camisa 10 alviverde tem tudo para brigar entre os maiores artilheiro do Brasil em 2020.

FINALIZAÇÕES PARA MARCAR UM GOL
- Dados do Footstats/mínimo de 5 gols marcados

1º - Luiz Adriano - Palmeiras - 2,17 finalizações para marcar um gol
2º - Reinier - Flamengo - 2,66 finalizações para marcar um gol
3º - Arrascaeta - Flamengo - 3,69 finalizações para marcar um gol
4º - Boselli - Corinthians - 4 finalizações para marcar um gol
5º - Gabigol - Flamengo - 4,16 finalizações para marcar um gol

TEMPO EM CAMPO PARA MARCAR UM GOL
- Dados do OGol/mínimo de 5 gols

1º - Gabigol - Flamengo - 102 minutos para marcar um gol
2º - Reinier - Flamengo - 118 minutos para marcar um gol
3º - Bruno Henrique - Flamengo - 122 minutos para marcar um gol
4º - Pedro - Fluminense - 125 minutos para marcar um gol
5º - Arrascaeta - Flamengo - 141 minutos para marcar um gol
6º - Luiz Adriano - Palmeiras - 150 minutos para marcar um gol



















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também